Pós Graduação Unisinos - CIÊNCIAS SOCIAIS - Presencial - São Leopoldo
Mestrado Acadêmico

CIÊNCIAS SOCIAIS

Presencial - São Leopoldo

Local

São Leopoldo

Dias de aula

Segundas, terças e quartas-feiras.

Duração

2 anos

Curso recomendado pela Capes

Conceito 5

Apresentação

A missão do Programa consiste em formar pesquisadoras e pesquisadores com capacidade de investigar as realidades sociais atendendo às necessidades sociais com base numa visão crítico-transformadora e em produzir o conhecimento voltado para o entendimento dos processos de reprodução ou de superação das desigualdades e busca de alternativas políticas, sociais e culturais. O Programa propõe aos seus discentes de mestrado a oportunidade de uma base sólida de conhecimentos e práticas formativas na área de Ciências Sociais para que o futuro mestre não apenas desenvolva sua pesquisa, mas atue com competência nos espaços profissionais. Para isso oferece ao pesquisador e pesquisadora iniciante as ferramentas teóricas e metodológicas necessárias para a condução da pesquisa por meio de atividades acadêmicas que envolvem aulas, sessões de orientações individuais e coletivas, reuniões por Linhas de Pesquisa e Grupo de Pesquisa. Todas as atividades se propõem a potencializar o estudo, a pesquisa e a produção escrita.

Regimento Interno:

Baixe o Regimento Interno do PPG para alunos ingressantes a partir de 2020 (PDF)

Baixe o Regimento Interno do PPG para alunos ingressantes até 2019 (PDF)

LinkedIn Facebook Instagram Youtube

 

Este programa também está disponível como:

Coordenação do Curso


Marilia Verissimo Veronese

Mestre e doutora em Psicologia Social pela Pontifícia Universidade Católica do RGS. Realizou estágio pós-doutoral no Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra. Seus interesses de pesquisa são trabalho, saúde mental, saúde e sociedade, subjetividades, economias alternativas e processos de produção das desigualdades.

E-mail: mariliav@unisinos.br

Telefone: (51) 3591-1122 - Ramal 1127

Ver currículo Lattes

 

Secretaria do Curso

Telefone: (51) 3591-1122 - Ramal 1127

Email: ppgcs@unisinos.br

Área de concentração: Políticas e Práticas Sociais

Cumpre ao Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais, dentro de suas atribuições específicas e consoante suas Linhas de Pesquisa, realizar o exame das questões teóricas vinculadas às visões e às ações geradas no Estado e na Sociedade, no que respeita à questão social, tendo em vista os principais processos e campos de expressão das desigualdades, bem como tratar dos seus desdobramentos metodológicos e empíricos, em pesquisa e aplicação social, no que respeita às propostas e intervenções de atores e de instituições.

Imagem da Área de concentração

Linhas de Pesquisa

Considera a cultura em sua dimensão vivida, examinando as lógicas identitárias operantes nos processos de pertencimento social, de desfiliação e de exclusão, de grupos e indivíduos. Estuda as práticas sociais relativas à vida cotidiana, a suas dinâmicas de interação e de sociabilidade, bem como os processos e as implicações teóricas e políticas relacionadas à construção de identidades, ao direito às diferenças, às religiões e ao multiculturalismo.


Corpo docente: Carlos Aldrefo Gadea Castro, José Ivo Follmann, Rodrigo Manoel Dias da Silva

Colaboradores: Adevanir Aparecida Pinheiro e Sandoval Rocha

Estuda as relações entre o Estado e a Sociedade, no que se refere ao processo organizativo dos atores sociais, à formulação de agendas públicas e às condições e restrições para a universalização da cidadania. Examina as políticas sociais atinentes aos direitos humanos, às relações entre a sociedade e o ambiente e às dinâmicas geracionais e identitárias, analisando representações, propostas e ações relacionadas às desigualdades, no plano dos direitos individuais e coletivos, do acesso aos serviços e da qualidade de vida.


Corpo docente: Castor Marí Martin Bartolomé Ruiz, Juliane Sant’Ana Bento, Laura Cecília Lopez, Miriam Steffen Vieira, Monika Weronika Dowbor

Professor voluntário: Aloísio Ruscheinsky

Direciona suas investigações às práticas e políticas sociais, considerando a presença da solidariedade e inquirindo seu sentido alternativo e emancipatório. Privilegia experiências associativas e cooperativas, sistemas de intercooperação, formas de empreendedorismo coletivo e iniciativas baseadas na reciprocidade, bem como movimentos, organizações do Terceiro Setor e políticas correspondentes. Investiga configurações sociais existentes no âmbito das relações de trabalho, de experiências democráticas, de comunidades e territórios, considerando suas potencialidades transformadoras a partir de suas respectivas epistemologias e saberes. Destaca as inovações geradoras de conhecimento e de soluções sustentáveis por via da participação cidadã e da cooperação entre atores.


Corpo docente: Adriane Vieira Ferrarini, Carlos Eduardo Santos Pinho, Marilia Veríssimo Veronese.

Professor voluntário: Luiz Inácio Germany Gaiger

Projetos de pesquisa

Conheça os projetos desenvolvidos pelos professores do Programa em suas respectivas linhas de pesquisa:

Ver projetos de pesquisa

MESTRADO: ESTRUTURA CURRICULAR

O Mestrado exige o cumprimento mínimo de 24 (vinte e quatro) créditos assim distribuídos:

»21 Créditos de disciplinas dos Núcleos Teórico, Temático e Metodológico, sendo 09 (nove) créditos atribuídos às atividades acadêmicas obrigatórias, tais como Teorias das Ciências Sociais, Seminário de Dissertação e Técnicas de Análise de Dados, e 12 (doze) créditos atribuídos à atividades acadêmicas optativas.

»03 Créditos relativos à dissertação.

»Dos 12 créditos optativos, 3 créditos podem ser obtidos por meio da apresentação do aceite formal ou da publicação de um artigo em periódico já classificado pelo Sistema Qualis, da CAPES, ou equivalente, desde que esteja avalizado pelo orientador do aluno quanto à sua adequação às Linhas de Pesquisa do PPGCS.


EMENTAS DO PROGRAMA ATIVIDADES TRANSDISCIPLINARES DISCIPLINA: CICLO DE ESTUDOS

Núcleo Teórico keyboard_arrow_down

- Teorias das Ciências Sociais (3 créditos) - Obrigatória
- Sociedade e Estado (3 créditos)
- Disciplinas Especiais I (1 crédito)
- Disciplinas Especiais II (2 créditos)
- Disciplinas Especiais III (3 créditos)

Núcleo Temático keyboard_arrow_down

- Seminário de Ciência Política (3 créditos)
- Seminário de Sociologia (3 créditos)
- Seminário de Antropologia (3 créditos)
- Disciplinas Especiais I (1 crédito)
- Disciplinas Especiais II (2 créditos)
- Disciplinas Especiais III (3 créditos)

Linha de Pesquisa I keyboard_arrow_down

- Identidades e sociabilidades (3 créditos)
- Tópicos especiais I: Linha de pesquisa I (1 crédito)
- Tópicos especiais II: Linha de pesquisa I (2 créditos)
- Tópicos especiais III: Linha de pesquisa I (3 créditos)

Linha de Pesquisa II keyboard_arrow_down

- Atores Sociais, políticas Sociais e Cidadania (3 créditos)
- Tópicos especiais I: Linha de pesquisa II (1 crédito)
- Tópicos especiais II: Linha de pesquisa II (2 créditos)
- Tópicos especiais III: Linha de pesquisa II (3 créditos)

Linha de Pesquisa III keyboard_arrow_down

- Sociedade, Economia e Emancipação (3 créditos
- Tópicos especiais I: Linha de pesquisa III (1 crédito)
- Tópicos especiais II: Linha de pesquisa III (2 créditos)
- Tópicos especiais III: Linha de pesquisa III (3 créditos)

Núcleo Metodológico keyboard_arrow_down

- Seminário de Dissertação (3 créditos) - Obrigatória
- Técnica de Análise de Dados (3 créditos) - Obrigatória
- Disciplinas Especiais I (1 crédito)
- Disciplinas Especiais II (2 créditos)
- Disciplinas Especiais III (3 créditos)

PROCESSO SELETIVO

Os Programas de Pós-Graduação da Unisinos permitem a participação de alunos não regulares em determinadas disciplinas dos cursos de Mestrado e Doutorado. São considerados alunos não regulares estudantes de outras instituições de ensino superior; graduados e pós-graduados sem vínculo com PPGs e também graduandos da UNISINOS que tenham concluído ou estejam matriculados em Trabalho de Conclusão de Curso I (TCC I) ou Trabalho de conclusão de Curso II (TCC II).

A cada semestre os programas divulgam as disciplinas do curso passíveis de aceitação de matrícula de alunos não regulares. A análise da inscrição é realizada pela Coordenação do PPG. Após parecer favorável da Coordenação, o aluno solicita matrícula, junto ao Atendimento Unisinos.


Baixe o regulamento para admissão de alunos não regulares (PDF)
Baixe a ficha de inscrição para alunos não regulares (DOC)


Inscrição

A solicitação deve ser realizada por e-mail para atendimento@unisinos.br a partir de 04/01 até 05 dias úteis antes do início das aulas (*) da disciplina de interesse, anexando a documentação exigida.


Confira as disciplinas ofertadas em 2023/1 (pdf)


Confira a lista da documentação necessária no link do regulamento (PDF) para admissão de alunos não regulares, disponibilizado acima.


Valores

Confira os valores para 2023

PROGRAMAS DE BOLSAS E DESCONTOS

São egressos todos os estudantes que concluíram um nível completo de educação superior (alunos diplomados da Unisinos).


Egressos Unisinos possuem 10% de desconto nos Programas de Pós-graduação de Mestrado e Doutorado* Acadêmico e Profissional.


*Válido para ingressantes no Doutorado a partir de 2021.

O Programa de Bolsas Unisinos de Apoio à Pesquisa de Ciência, Tecnologia, Inovação e Empreendedorismo é direcionado à estudos inovadores que visem à criação de conhecimento prático e específico orientado à eixos/temas estratégicos da Unisinos.

Tal concessão busca induzir a criação de conhecimento que envolva todas as áreas de conhecimento, estimulando a cooperação em pesquisa de forma transversal entre Programas de Pós-Graduação, e o desenvolvimento de pesquisa básica dirigida e pesquisa aplicada.

 

Áreas estratégicas da Unisinos

» Microeletrônica

» Saúde e Tecnologias

» Inovação e Empreendedorismo

» Humanidades e Tecnologias

 

Para candidatar-se ao processo de bolsas, faça antes sua inscrição no processo seletivo do curso de interesse.

O Programa de Bolsas de Estudo Pe. Theobaldo Frantz de Formação Docente para Qualificação de Professores da Escola Básica busca fomentar a formação de pessoas em nível de pós-graduação estrito senso e o desenvolvimento de pesquisas com relevância para o desenvolvimento social, no contexto da educação básica.


Veja o edital disponível para este processo de bolsa:

O Programa de Suporte à Pós-Graduação de Instituições Comunitárias de Educação - PROSUC concede Bolsas de Pós-graduação e Auxílios para o pagamento de Taxas escolares, para os melhores classificados nos processos seletivos de ingresso nos Programas de Pós-Graduação.


Mestrado Bolsa R$ 1.500 + Taxa Auxilio R$ 1.100

Doutorado Bolsa R$ 2.200 + Taxa Auxilio R$ 1.400


Veja o edital disponível para este processo de bolsa:

PROFESSORES DO CURSO

O aluno do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais tem à disposição um corpo docente composto em sua maioria por mestres, doutores e pós-doutores, com formação nacional e internacional e reconhecida experiência profissional.

Adriane Vieira Ferrarini

Adriane Vieira Ferrarini

Doutora em Sociologia
WorkID/ORCID

Doutora em Sociologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Pós-doutoranda na Universidade de Antioquia (Medellín/ Colômbia) Professora e pesquisadora do Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS). Pesquisadora bolsista produtividade 2 do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Aloisio Ruscheinsky (Pesquisador Voluntário)

Aloisio Ruscheinsky (Pesquisador Voluntário)

Doutor em Sociologia
WorkID/ORCID

Estuda as relações entre atores sociais, os nexos entre Estado, mercado e Sociedade civil, atentando para a agenda dos direitos.

Carlos Alfredo Gadea Castro

Carlos Alfredo Gadea Castro

Doutor em Sociologia Política
WorkID/ORCID

Pós-doutorado na University of Miami (Center for Latin American Studies, USA). Professor Visitante na Universität Leipzig, Alemanha (DAAD, 2015-2016). Doutor em Sociologia Política pela Universidade Federal de Santa Catarina. Professor de História (IPA, Uruguai). Bolsista de Produtividade 1C, CNPq. Áreas de interesse: Teorias Sociais Contemporâneas, Estudos Culturais Latino-americanos, Violência urbana, Estudos Étnico-raciais, Juventude e Cultura.

Carlos Eduardo Santos Pinho

Carlos Eduardo Santos Pinho

Doutor em Ciência Política
WorkID/ORCID

Doutor e Mestre em Ciência Política pelo IESP/UERJ. Realizou estágio de pós-doutorado no Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Políticas Públicas, Estratégias e Desenvolvimento (INCT/PPED) e no Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (PPGSP-UENF). Tem experiência na área de Ciência Política, com ênfase em Estado, Economia Política do Desenvolvimento, Empresários, Estado do Bem-Estar Social e Políticas Públicas.

Castor Mari Martin Bartolomé Ruiz

Castor Mari Martin Bartolomé Ruiz

Doutor em Filosofia
WorkID/ORCID

Professor Titular do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS). Coordenador da Cátedra Unesco de Direitos Humanos. Membro da diretoria da Associação Ibero Americana de Filosofia Política (AIFP). Coordenador do Grupo de Pesquisa CNPq, "Ética, biopolítica e alteridade". Ministra cursos temáticos na pós-graduação e pesquisa nas áreas de ética, subjetividade, alteridade, poder, violência, direitos humanos e democracia 

Cristian Jobi Salaini (Bolsista PNPD)

Cristian Jobi Salaini (Bolsista PNPD)

Doutor em Antropologia Social
WorkID/ORCID

Doutor em Antropologia Social pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2012). Tem atuado em assessorias para o Instituto do Patrimônio Artístico Histórico Nacional (IPHAN) e para o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) na aplicação de políticas públicas que vêm sendo dirigidas por estas instituições a temas que envolvem a participação da disciplina antropológica. Além disso, tem trabalhado junto a instituições de ensino como professor, assim como na produção de materiais instrucionais. Tem experiência na área de Antropologia, com ênfase em Antropologia das Populações Afro-Brasileiras, atuando em temas como: identidade étnica, patrimônio imaterial, arte, territorialidade, identidade regional, propriedade intelectual de grupos tradicionais e comunidades remanescentes de quilombo. Atualmente tem se debruçado no estudo de políticas públicas de recorte étnico racial no âmbito da América Latina, com ênfase na matriz decolonial e na Antropologia do Estado.

Jose Ivo Follmann

Jose Ivo Follmann

Doutor em Sociologia
WorkID/ORCID

Doutor em Sociologia (UCL-Bélgica). Mestre em Ciências Sociais (PUCSP-Brasil)). Bacharel em Ciências Sociais (UFRGS-Brasil). Professor do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais, Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS). Diretor do Observatório Nacional de Justiça Socioambiental Luciano Mendes de Almeida (OLMA). Líder do Grupo de Pesquisa: Transdisciplinaridade, Ecologia Integral e Justiça Socioambiental. Outros temas: Sociologia das Religiões, Identidades, Relações Étnico-raciais. Padre jesuíta.

Laura Cecilia Lopez

Laura Cecilia Lopez

Doutora em Antropologia Social
WorkID/ORCID

Doutora em Antropologia Social pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, com estágio pós-doutoral na Faculdade Nacional de Saúde Pública da Universidad de Antioquia – Colômbia. Tem experiência nas áreas de Saúde Coletiva, Antropologia do Corpo e da Saúde, Estudos de Gênero e Interseccionalidades na América Latina, com discussões de políticas públicas, equidade e direitos sexuais e reprodutivos.

Luiz Inacio Germany Gaiger (Pesquisador Voluntário)

Luiz Inacio Germany Gaiger (Pesquisador Voluntário)

Doutor em Sociologia da Religião e dos Movimentos Sociais
WorkID/ORCID

Doutor em Sociologia (Université Catholique de Louvain, 1991) e Bolsista de Produtividade do CNPq desde 2000. Sua docência abrange tópicos de teoria sociológica, métodos de pesquisa e questões relacionadas à sustentabilidade socioambiental. Dedica-se a pesquisas sobre economia solidária, cooperativismo, formas participativas de democracia, políticas públicas e experiências alternativas fundamentadas no princípio da reciprocidade, tendo publicado vários livros, artigos acadêmicos e trabalhos de divulgação. Com o prof. José Luis Coraggio (UNGS/Argentina), coordena a Rede de Investigadores Latino-americanos de Economia Social e Solidária – RILESS. É codiretor da revista Otra Economía. Desde 2019, integra do Conselho de Diretores da rede internacional de pesquisa EMES – European Research Network.

Marilia Verissimo Veronese

Marilia Verissimo Veronese

Doutora em Psicologia
WorkID/ORCID

Mestre e doutora em Psicologia Social pela Pontifícia Universidade Católica do RGS. Realizou estágio pós-doutoral no Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra. Seus interesses de pesquisa são trabalho, saúde mental, saúde e sociedade, subjetividades, economias alternativas e processos de produção das desigualdades.

Marluza Marques Harres

Marluza Marques Harres

Doutora em História
WorkID/ORCID

Doutora em História (2002) pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS. Atualmente é professora titular da Universidade do Vale do Rio dos Sinos - UNISINOS. Tem experiência em pesquisa e orientações de mestrado e doutorado, atuando principalmente nos seguintes temas: história política, história cultural e política na literatura, história ambiental, história agrária e movimentos sociais.

Miriam Steffen Vieira

Miriam Steffen Vieira

Doutora em Antropologia Social
WorkID/ORCID

Doutora em Antropologia Social (2007), Mestre e Licenciada em História pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Professora no PPG em Ciências Sociais da Unisinos. Professora colaboradora na Universidade de Cabo Verde. Atua nos campos da Antropologia Feminista e Antropologia do Estado, principalmente nos seguintes temas: gênero e suas interseccionalidades, políticas públicas de gênero, gênero e desenvolvimento, gênero e políticas de cuidado, violência de gênero.

Monika Weronika Dowbor

Monika Weronika Dowbor

Doutora em Ciência Política
WorkID/ORCID

Doutora em Ciência Política pela Universidade de São Paulo (2012) com pós doutorado no Centro de Estudos da Metrópole (2014-2015). É pesquisadora do Núcleo Democracia e Ação Coletiva (NDAC) do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (CEBRAP). Trabalha com a abordagem de neo-institucionalismo histórico, focando os processos de (des)institucionalização a partir de movimentos sociais nas interfaces com as políticas públicas. Pesquisa também população em situação de rua, saúde, governança participativa, instituições participativas e social accountability.

Roberta Carnelos Resende (Bolsista PNPD)

Roberta Carnelos Resende (Bolsista PNPD)

Doutora em Ciência Política
WorkID/ORCID

Doutora em Ciência Política pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS, 2018), e pesquisadora visitante no King's Brazil Institute, do King's College London (KCL, 2015). Mestre em Sociologia pela Universidade Federal do Paraná (UFPR, 2009), e bacharel em Ciências Econômicas (UFPR, 2007). Tem experiência na área de instituições políticas e estudos legislativos.

Rodrigo Manoel Dias Da Silva

Rodrigo Manoel Dias Da Silva

Doutor em Ciências Sociais
WorkID/ORCID

Doutor em Ciências Sociais pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Mestre em Ciências Sociais pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos e Licenciado em Pedagogia pela Universidade Estadual do Rio Grande do Sul. Possui experiência em Sociologia da Educação e investiga principalmente os seguintes temas: educação, cidadania, territórios, expressões culturais e educação patrimonial.

Sandoval Alves Rocha (Colaborador)

Sandoval Alves Rocha (Colaborador)

Doutor em Ciências Sociais
WorkID/ORCID

Doutor em Ciências Socias pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2019). Pesquisa a problemática da água, sobretudo o que diz respeito ao saneamento básico na cidade de Manaus. Trabalha no Serviço Amazônico de Ação, Reflexão e Educação Socioambiental (SARES), em interação com movimentos socioambientais na região amazônica, além de atuar em formação social e política com comunidades de periferias.

INFRAESTRUTURA

Confira também