Pós Graduação Unisinos - BIOLOGIA - Presencial - São Leopoldo
Mestrado Acadêmico

BIOLOGIA

Presencial - São Leopoldo

Local

São Leopoldo

Dias de aula

Quintas e sextas-feiras.

Duração

2 anos

Curso recomendado pela Capes

Conceito 5

Apresentação

O curso de Mestrado do Programa de Pós-Graduação Estrito Senso em Biologia da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS), foi implementado em 2000 e tem como área de concentração a Diversidade e Manejo de Vida Silvestre. O curso integra a Área da CAPES de Biodiversidade e possui conceito CAPES 5. Em 2020, o Mestrado completou 20 anos de existência e atingiu a total de 250 mestres titulados.

O curso tem duração máxima de 24 meses, período no qual o aluno deverá cursar disciplinas para obtenção de 24 créditos, dos quais 4 são referentes à defesa da dissertação.

O Mestrado possui bolsas do Programa de Suporte à Pós-Graduação de Instituições Comunitárias de Educação Superior - PROSUC/CAPES em duas modalidades: taxa e integral. A bolsa na modalidade taxa inclui o pagamento apenas das taxas escolares, enquanto a modalidade integral inclui o pagamento da bolsa para o bolsista e das taxas escolares.

As linhas de pesquisa do Mestrado estão divididas em três (03): I – Sistemática e Filogenia; II – Ecologia de Populações e Comunidades; III – Conservação e Manejo da Biodiversidade. Essas linhas de investigação associadas com as atividades e disciplinas da atual estrutura curricular, tem como objetivo capacitar o futuro profissional para o exercício da docência no ensino superior, a pesquisa científica e aplicação de novas tecnologias na gestão, conservação e o manejo da Biodiversidade

Regimento Interno:

Baixe o Regimento Interno do Programa de Pós-Graduação (PDF)

LinkedIn Facebook Instagram Youtube

 

Este programa também está disponível como:

Coordenação do Curso


Larissa Rosa de Oliveira

Investiga os temas relacionados à Biologia da Conservação, Ecologia e Genética de Populações, Educação Ambiental e a aplicação de ferramentas de Geoinformática para a conservação da biodiversidade. Investiga os problemas de conservação, em especial os efeitos mudanças climáticas nos mamíferos aquáticos. Recentemente voltou suas pesquisas para a compreensão de conflitos entre humanos e a fauna, a fim de compreender e buscar soluções para os dilemas da conservação biológica e do bem-estar humano.

E-mail: larissaro@unisinos.br

Ver currículo Lattes

Área de concentração: Diversidade e Manejo de Vida Silvestre

A Área de Concentração do Programa em Diversidade e Manejo de Vida Silvestre visa qualificar profissionais para pesquisa e docência em áreas da Biologia, relacionadas à diversidade biológica, à ecologia, ao manejo de populações e ecossistemas, à sustentabilidade, ao diagnóstico e enfrentamento de problemas ambientais, por meio da transferência de conhecimento científico-tecnológico para a sociedade a fim de contribuir para a melhoria da qualidade socioambiental do Brasil.

Imagem da Área de concentração

Linhas de Pesquisa

Inventariar e desenvolver estudos taxonômicos da biota neotropical. Análise de suas relações filogenéticas com base em dados morfológicos, ecológicos e moleculares em contexto biogeográfico. Estudo da morfologia funcional e biologia evolutiva com ênfase em organismos neotropicais;

Reconhecimento de padrões e processos da estrutura e funcionamento de populações e comunidades. Análise dos efeitos das perturbações naturais e antrópicas na dinâmica de grupos de organismos. Identificação de modelos e estratégias reprodutivas e distribuição espaço-temporal de espécies;

Realização de estudos visando à conservação de espécies e ecossistemas. Reconhecimento de áreas prioritárias para a conservação. Desenvolvimento de práticas de manejo para monitorar e minimizar impactos na biodiversidade. Estabelecimento de interações com o setor produtivo para o uso sustentável dos recursos naturais.

Projetos de pesquisa

Conheça os projetos desenvolvidos pelos professores do Programa em suas respectivas linhas de pesquisa:

Ver projetos de pesquisa

MESTRADO: ESTRUTURA CURRICULAR

O mestrado compreende 24 créditos, incluindo a dissertação. O aluno deve cursar Disciplinas Obrigatórias (Três disciplinas, equivalentes a 8 créditos), Obrigatórias com escolha (Com escolha de atividades que totalizem 11 créditos) e Optativas (Com escolha de atividades que totalizem nove créditos). A dissertação, desenvolvida ao longo do curso, abrange quatro créditos.


EMENTAS DO PROGRAMA ATIVIDADES TRANSDISCIPLINARES

Disciplinas Obrigatórias (8 créditos) keyboard_arrow_down

- Bioestatística I (2 créditos)
- Ecologia de Campo I (3 créditos)
- Seminários de Pesquisa I (1 crédito)
- Delineamento Experimental (2 créditos)

Disciplinas Obrigatórias com livre escolha (a totalizar 11 créditos) keyboard_arrow_down

- Bioestatística II (3 créditos)
- Ecologia de Comunidades (2 créditos)
- Ecologia e Manejo de Ecossistemas (2 créditos)
- Ecologia e Manejo de Populações (2 créditos)
- Fundamentos de Sistemática e Filogenia (2 créditos)

Disciplinas Optativas (9 créditos) keyboard_arrow_down

- Biologia da Conservação (2 créditos)
- Biomonitoramento (2 créditos)
- Comunicação Científica (2 créditos)
- Ecologia de Áreas Úmidas (2 créditos)
- Ecologia Microbiana (2 créditos)
- Genética da Conservação (2 créditos)
- Limnologia (2 créditos)
- Manejo de Agroecossistemas (2 créditos)
- Manejo e Conservação de Mamíferos (2 créditos)
- Monitoramento e Manejo de Vertebrados (2 créditos)
- Tópicos Especiais (2 e 3 créditos)
- Publicação de artigos, Revisão de Periódicos Científicos, Participação em Eventos Científicos ou Coorientação de Iniciação Científica (4 créditos)

PROCESSO SELETIVO

Inscrição Online

Período de inscrição: 01/10 a 22/11/2021

Taxa de inscrição: R$ 70,00
Observação: para os egressos da Unisinos é concedido um desconto de 50% na taxa de inscrição.


Confira o edital para o processo seletivo (PDF)


No item II do Edital você encontra a lista dos documentos obrigatórios que devem ser anexados durante a sua inscrição. Anexar todos os documentos obrigatórios é condição para o êxito da sua inscrição.

Saiba como converter arquivos em formato PDF


Seleção

Período: 25/11 a 03/12/2021.


Divulgação dos Aprovados

A lista preliminar dos candidatos selecionados será divulgada nesta seção a partir do dia 03/12/2021.

A lista definitiva dos candidatos selecionados será divulgada nesta seção a partir do dia 10/12/2021.

Confira a lista preliminar dos selecionados (PDF)

Confira a lista definitiva dos selecionados (PDF)


Matrículas

As matrículas serão realizadas de 12 a 19/01/2022.

Os Programas de Pós-Graduação da Unisinos permitem a participação de alunos não regulares em determinadas disciplinas dos cursos de Mestrado. São considerados alunos não regulares estudantes de outras instituições de ensino superior; graduados e pós-graduados sem vínculo com PPGs e também graduandos da UNISINOS que tenham concluído ou estejam matriculados em Trabalho de Conclusão de Curso I (TCC I) ou Trabalho de conclusão de Curso II (TCC II).

A cada semestre os programas divulgam as disciplinas do curso passíveis de aceitação de matrícula de alunos não regulares. A análise da inscrição é realizada pela Coordenação do PPG. Após parecer favorável da Coordenação, o aluno solicita matrícula, junto ao Atendimento Unisinos.


Baixe o regulamento para admissão de alunos não regulares (PDF)
Baixe a ficha de inscrição para alunos não regulares (DOC)


Inscrição

A solicitação deve ser realizada por e-mail para atendimento@unisinos.br a partir de 04/01 até 05 dias úteis antes do início das aulas (*) da disciplina de interesse, anexando a documentação exigida.


Veja as ofertas de 2021/2 (pdf)


Confira a lista da documentação necessária no link do regulamento (PDF) para admissão de alunos não regulares, disponibilizado acima.


Valores

Confira os valores para 2021

BOLSAS E BENEFICIOS

São egressos todos os estudantes que concluíram um nível completo de educação superior (alunos diplomados da Unisinos).


Egressos Unisinos possuem 10% de desconto nos Programas de Pós-graduação de Mestrado e Doutorado* Acadêmico e Profissional.


*Válido para ingressantes no Doutorado a partir de 2021.

O Programa de Bolsas de Estudo Pe. Theobaldo Frantz de Formação Docente para Qualificação de Professores da Escola Básica busca fomentar a formação de pessoas em nível de pós-graduação estrito senso e o desenvolvimento de pesquisas com relevância para o desenvolvimento social, no contexto da educação básica.


Veja o edital disponível para este processo de bolsa:

O MAI/DAI é um Programa Institucional que busca fortalecer a pesquisa, o empreendedorismo e a inovação nas Instituições Científicas, Tecnológicas e de Inovação (ICTs), por meio do envolvimento de estudantes de mestrado e doutorado em projetos de interesse do setor empresarial, mediante parceria com Empresas.


O Programa busca contribuir para o aumento da capacidade inovadora, da competitividade das empresas e do desenvolvimento científico e tecnológico no País, ao mesmo tempo em que pretende fortalecer os Sistemas Regionais de Inovação.


Veja o edital disponível para este processo de bolsa: ​

O Programa de Suporte à Pós-Graduação de Instituições Comunitárias de Educação - PROSUC concede Bolsas de Pós-graduação e Auxílios para o pagamento de Taxas escolares, para os melhores classificados nos processos seletivos de ingresso nos Programas de Pós-Graduação.


Mestrado Bolsa R$ 1.500 + Taxa Auxilio R$ 1.100

Doutorado Bolsa R$ 2.200 + Taxa Auxilio R$ 1.400


Veja o edital disponível para este processo de bolsa:

O Programa de Bolsas Unisinos de Apoio à Pesquisa de Ciência, Tecnologia, Inovação e Empreendedorismo é direcionado à estudos inovadores que visem à criação de conhecimento prático e específico orientado à eixos/temas estratégicos da Unisinos.

Tal concessão busca induzir a criação de conhecimento que envolva todas as áreas de conhecimento, estimulando a cooperação em pesquisa de forma transversal entre Programas de Pós-Graduação, e o desenvolvimento de pesquisa básica dirigida e pesquisa aplicada.

 

Áreas estratégicas da Unisinos

» Microeletrônica

» Saúde e Tecnologias

» Inovação e Empreendedorismo

» Humanidades e Tecnologias

 

Para candidatar-se ao processo de bolsas, faça antes sua inscrição no processo seletivo do curso de interesse.

INVESTIMENTO

Confira o valor da parcela para o Mestrado Acadêmico em Biologia:


36 parcelas de R$ 1788,50*

Financiamento próprio em até 48 parcelas.


*Valor para ingressantes em 2021.

Confira o valor da parcela para o Mestrado Acadêmico em Biologia:


36 parcelas de R$ 1609,65*

Financiamento próprio em até 48 parcelas.


*Valor para ingressantes em 2021.

Ficou alguma dúvida?

Clique no botão abaixo para falar com um de nossos consultores.

Falar com consultor

PROFESSORES DO CURSO

O aluno do Programa de Pós-Graduação em Biologia tem à disposição um corpo docente composto em sua maioria por mestres, doutores e pós-doutores, com formação nacional e internacional e reconhecida experiência profissional.

Alexandro Marques Tozetti

Alexandro Marques Tozetti

Doutor em Ecologia
WorkID/ORCID

Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade de São Paulo, onde também obteve o título de doutor (2007) em Ecologia. É coordenador do Laboratório de Ecologia de Vertebrados Terrestres liderando estudos sobre ecologia, evolução e história natural com ênfase em anfíbios e répteis. Homepage: www.tozettilab.org

Cristina Stenert Maltchik Garcia

Cristina Stenert Maltchik Garcia

Doutora em Ecologia e Recursos Naturais
WorkID/ORCID

As pesquisas que desenvolvo estão voltadas à compreensão de como diferentes fatores ambientais influenciam as comunidades de invertebrados aquáticos em áreas úmidas naturais e manejadas. Nos últimos 10 anos, eu tenho desenvolvido diferentes estudos com as comunidades dormentes de zooplâncton, relacionando suas respostas biológicas com variáveis em escalas local e regional e com atividades antrópicas. Eu tenho um especial interesse no uso potencial dessas comunidades biológicas em estudos que visem a restauração de áreas degradadas e variação climática.

Joice Cagliari

Joice Cagliari

Doutora em Geologia sedimentar
WorkID/ORCID

Investiga temas relacionados a contaminação de água superficial e subterrânea por contaminantes antropogênicos e geogênicos, ambientes deposicionais costeiros e continentais e modelagem de sistemas ambientais. Tem interesse por temas relacionados ao Antropoceno e à mudanças climáticas atuais e pretéritas.

Juliano Morales De Oliveira

Juliano Morales De Oliveira

Doutor em Ecologia
WorkID/ORCID

Doutor em Ecologia (2007) pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Brasil), com estágio doutoral na Universidade Técnica de Munique (Alemanha). Trabalha com pesquisas em ecologia básica e aplicada, principalmente sobre respostas da vegetação a fatores ambientais (climáticos) e antrópicos, manejo de ecossistemas agrícolas, urbanos e naturais, e desenvolvimento sustentável pelo uso e conservação da biodiversidade.

Larissa Rosa De Oliveira

Larissa Rosa De Oliveira

Doutora em Ciências Biológicas (Biologia Genética)
WorkID/ORCID

Investiga os temas relacionados à Biologia da Conservação, Ecologia e Genética de Populações, Educação Ambiental e a aplicação de ferramentas de Geoinformática para a conservação da biodiversidade. Investiga os problemas de conservação, em especial os efeitos mudanças climáticas nos mamíferos aquáticos. Recentemente voltou suas pesquisas para a compreensão de conflitos entre humanos e a fauna, a fim de compreender e buscar soluções para os dilemas da conservação biológica e do bem-estar humano.

Luciana Paulo Gomes

Luciana Paulo Gomes

Doutora em Engenharia Hidráulica e Saneamento
WorkID/ORCID

Desenvolve pesquisas sobre gestão de resíduos sólidos urbanos e esgotos sanitários. Realiza estudos com processos aeróbios e anaeróbios de tratamento de resíduos e efluentes líquidos, com produção de biogás e biofertilizantes. Assessora empresas e municípios, coordenando pesquisas aplicadas, em temas que visam a sustentabilidade, como reciclagem de resíduos urbanos e rurais, compostagem e biodigestores e projetos, operação e monitoramento de aterros sanitários.

Luiz Gonzaga Da Silveira Junior

Luiz Gonzaga Da Silveira Junior

Doutor em Engenharia Elétrica
WorkID/ORCID

Doutor em Engenharia Elétrica com ênfase em Engenharia de Computação pela UNICAMP. Desenvolve pesquisas em Realidade Virtual e Aumentada, Computação Visual e Reconhecimento de Padrões, aplicadas ao desenvolvimento de ambientes imersivos para educação e conservação, também explora tecnologias de captura, processamento, exibição e percepção de informações visuais na resolução de problemas complexos como redução e mitigação dos impactos da ação antrópica.

Maria Virginia Petry

Maria Virginia Petry

Doutora em Biociências (Zoologia)
WorkID/ORCID

Doutora em Biociências (Zoologia) pela PUCRS, professora titular e pesquisadora do Programa de Pós-Graduação em Biologia da Unisinos, com ênfase em Ornitologia atuando em Ecologia de populações e comunidade de aves e na Conservação de aves marinhas antárticas e brasileiras. Coordena projetos investigando ameaças sobre as aves migratórias e as implicações na conservação destas espécies em parceria com Conserve Wildlife Fundation de New Jersey.

Mauricio Roberto Veronez

Mauricio Roberto Veronez

Doutor em Engenharia Civil
WorkID/ORCID

Pós-Doutor em Geomática com Mestrado e Doutorado em Engenharia de Transportes pela (EESC/USP). Professor/Pesquisador na UNISINOS coordena o Vizlab | X-Reality and GeoInformatics Lab. Desenvolve pesquisas em Geoinformática e Inteligência artificial aplicadas nas áreas de Global Navigation Satellite Systems (GNSS), Sensoriamento Remoto, Cartografia Digital, Planejamento Urbano e Regional e visualização 3D imersiva

Pablo Cesar Lehmann Albornoz

Pablo Cesar Lehmann Albornoz

Doutor em Biociências (Zoologia)
WorkID/ORCID

Doutor em Biociências - Zoologia, com Pós-Doutorado em Taxonomia dos Grupos Recentes, Filogenia de Peixes Neotropicais e Nomenclatura Zoológica. Coordenador da Comissão de Gestão do Acesso ao Patrimônio Genético e Conhecimento Tradicional Associado CPGCTA - UNISINOS (cpgcta@unisinos.br). Desenvolve pesquisas na área da Sistemática de vertebrados, visando a descrição da biodiversidade de peixes neotropicais, com ênfase em estudos para o conhecimento e conservação da fauna aquática regional. Com experiência internacional no manejo e conservação da biodiversidade e na aplicação de metodologias para a definição de espécies e ecossistemas aquáticos prioritários para sua conservação. Coordenador do Laboratório de Ictiologia e Sistemática de Peixes.

Rodrigo Scalise Horodyski

Rodrigo Scalise Horodyski

Doutor em Geociências
WorkID/ORCID

Concentra sua pesquisa em invertebrados, tafonomia, (paleo) ecologia, crises bióticas, bioeventos e extinções. Ele também atua na Paleobiologia da Conservação, biodiversidade e mudanças bióticas/ambientais do Antropoceno.

Uwe Horst Schulz

Uwe Horst Schulz

Doutor em Biologia
WorkID/ORCID

Doutor em Ciências Naturais pela Universidade de Bielefeld, Alemanha. Membro do Grupo de Pesquisa em Saneamento Ambiental (SAmb), suas áreas de pesquisa incluem avaliação ambiental através da bioindicação, ecologia aquática e gestão ambiental.

Victor Hugo Valiati

Victor Hugo Valiati

Doutor em Genética e Biologia Molecular
WorkID/ORCID

Biólogo, doutor em Genética e Biologia Molecular. Orientador de mestrado e doutorado no Pós-Graduação em Biologia. Coordenador dos Laboratórios de Genética, Biologia Molecular, Microbiologia e Toxicologia, atuando nos seguintes temas interdisciplinares: ecologia molecular, sistemática molecular, filogeografia, genética da conservação, genética forense, microbiota e microbiomas, genômica, bioprospecção de micro-organismos e genes para biorremediação.

Colaborador keyboard_arrow_down

Marcelo Zagonel de Oliveira

Marcelo Zagonel de Oliveira

Doutor em Genética e Biologia Molecular
WorkID/ORCID

Têm experiência em geoprocessamento aplicado a diversas áreas do conhecimento, como hidrologia, gestão ambiental, manejo e modelagem de bacias hidrográficas, geologia, ecologia, medicina e saúde. Atualmente trabalha e tem interesse por geoprocessamento aplicado a ecologia espacial, concentrando-se principalmente na conservação e manejo da biodiversidade, ecologia de populações e comunidades, ecologia da paisagem, biogeografia, padrões espaciais de distribuição da biodiversidade, relações espaciais entre os elementos da paisagem e os ecossistemas, dinâmica da paisagem, sistemas agroflorestais e agroecologia. Atualmente desenvolvo trabalhos também na área de saúde, genética, molecular e ambiental em parceria entre PPGBM/UFRGS (Programa de Pós-Graduação em Genética e Biologia Molecular), INAGEMP (Instituto Nacional de Genética Médica Populacional).

Bolsista PNPD keyboard_arrow_down

Patrícia Nunes Silva

Patrícia Nunes Silva

Doutora em Entomologia
WorkID/ORCID

Patrícia Nunes-Silva é bióloga, mestre em Ecologia e doutora em Entomologia pela Universidade de São Paulo. Suas linhas de pesquisa são: biologia e ecologia de abelhas, ecologia da polinização e polinização de culturas agrícolas. Escreve material de extensão, como o livro "Manual de boas práticas para o manejo e conservação de abelhas nativas (meliponíneos)" e "As abelhas e a agricultura" e também realiza divulgação científica através do perfil "Louca das Abelhas".

INFRAESTRUTURA

Confira também