Pós Graduação Unisinos - ECONOMIA - Presencial - Porto Alegre
Doutorado Acadêmico

ECONOMIA

Presencial - Porto Alegre

Local

Porto Alegre

Dias de aula

Sextas-feiras e sábados.

Duração

4 anos

Curso recomendado pela Capes

Conceito 4

Sua pós pode ser presencial ou online, você escolhe a experiência que quer ter.
Saiba como serão as aulas na Unisinos.

Apresentação

O Doutorado em Economia da Unisinos fornece uma ampla e sólida fundamentação teórica e empírica em Economia. A partir dessa base, realizamos pesquisas que contribuem para o desenvolvimento regional nas áreas de Organização Industrial e Economia Internacional. Ainda, desenvolvemos competências que capacitam nossos alunos a conduzirem pesquisas na fronteira do conhecimento, além de permitir que atuem profissionalmente nos setores público ou privado.

Regimento Interno:

Baixe o Regimento Interno do Programa de Pós-Graduação para ingressantes a partir de 2019/2 (PDF)
Baixe o Regimento Interno do Programa de Pós-Graduação para ingressantes a partir de 2017/1 até 2019/2 (PDF)

LinkedIn Facebook Instagram Youtube

 

Este programa também está disponível como:

Coordenação do Curso


Magnus dos Reis

Professor e Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Economia da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos). Possui doutorado (2017) em Economia Aplicada pelo Programa de Pós-Graduação em Economia da UFRGS, graduação em Ciências Econômicas (2008) e Mestrado em Economia Internacional (2012) pela Unisinos. Atualmente, integra o Grupo de Pesquisa Integração Econômica Internacional e é membro do conselho fiscal da Associação Nacional dos Centros de Pós-Graduação em Economia (ANPEC).Tem experiência e interesse pelas seguintes áreas: Comércio Internacional, Econometria, Política Comercial e Investimento Estrangeiro Direto (IED).

E-mail: magnusr@unisinos.br

Ver currículo Lattes

Área de concentração: Organização Industrial e Economia Internacional

A área de concentração em Organização Industrial e Economia Internacional examina questões relacionadas à competitividade dos setores e das firmas e os efeitos da integração econômica internacional sobre os países. Essas questões são abordadas nos planos empírico e teórico.

Imagem da Área de concentração

Linhas de Pesquisa

Analisa os efeitos teóricos e empíricos da integração econômica em relação ao comércio e às variáveis estudadas pela macroeconomia da economia aberta. No comércio, são analisados os impactos da integração econômica internacional, tanto de forma discriminatória (preferencial, via blocos econômicos) como não-discriminatória (não preferencial, via OMC), especialmente sobre variáveis como fluxos de bens e serviços, bem-estar e crescimento econômico. Em relação à macroeconomia da economia aberta, regimes cambiais, coordenação de políticas macroeconômicas e fluxos de capitais são examinados mais detalhadamente.

Analisa e incorpora à atividade acadêmica os avanços que têm ocorrido tanto na investigação empírica quanto no plano teórico na área de organização industrial, com foco na competitividade dos setores e das firmas. Ênfase particular é dada às peculiaridades das atividades produtivas no estado do Rio Grande do Sul, sem desconsiderar, sua inserção no contexto nacional e internacional. Pretende-se que os resultados das pesquisas possam fornecer subsídios às estratégias de empresas e à formulação de políticas públicas.

Projetos de pesquisa

Conheça os projetos desenvolvidos pelos professores do Programa em suas respectivas linhas de pesquisa:

Ver projetos de pesquisa

DOUTORADO: ESTRUTURA CURRICULAR

As disciplinas do doutorado estruturam-se em três módulos: I - básico, de natureza obrigatória, composto de seis (6) disciplinas que concentram os conteúdos de nivelamento; II - básico por ênfase investigativa, composto de duas (2) disciplinas obrigatórias. O discente deverá escolher uma (1) entre as duas (2) disciplinas de acordo com a sua linha de pesquisa; e III - optativo, composto de disciplinas não obrigatórias, sendo que o aluno deve cursar cinco (5) disciplinas que serão escolhidas sob a supervisão do seu orientador.

A conclusão do curso de doutorado contempla quarenta e oito (48) créditos assim compreendidos: seis (6) disciplinas obrigatórias do módulo básico, correspondentes a dezoito (18) créditos; uma (1) disciplina obrigatória do módulo básico por ênfase investigativa, correspondente a três (3) créditos; cinco (5) disciplinas do módulo optativo, totalizando quinze (15) créditos; aprovação no Exame de Qualificação do Projeto de Tese; aprovação no Exame de Qualificação de Desempenho; e aprovação da Tese, correspondente a doze (12) créditos. Cada crédito equivale a 15 horas-aula, conforme abaixo.


EMENTAS DO PROGRAMA ATIVIDADES TRANSDISCIPLINARES

Disciplinas Obrigatórias (18 créditos) keyboard_arrow_down

- Microeconomia I (3 créditos)
- Macroeconomia I (3 créditos)
- Métodos Quantitativos I (3 créditos)
- Macroeconomia II (3 créditos)
- Microeconomia II (3 créditos)
- Econometria Básica (3 créditos)

Disciplina Obrigatória, por ênfase investigativa (3 créditos)* keyboard_arrow_down

- Organização Industrial (3 créditos)
- Economia Internacional I (3 créditos)
(*)O aluno deverá optar por uma das disciplinas listadas acima.

Disciplinas Optativas (15 créditos) keyboard_arrow_down

- Economia da Tecnologia (3 créditos)
- Economia Regional (3 créditos)
- Economia Brasileira (3 créditos)
- Economia Internacional II (3 créditos)
- Econometria de Séries Temporais (3 créditos)
- Econometria de Dados em Painel (3 créditos)
- Estatística Aplicada (3 créditos)
- Métodos Quantitativos II (3 créditos)
- Métodos Multivariados (3 créditos)
- Tópicos Avançados em Economia Internacional (3 créditos)
- Tópicos Avançados em Organização Industrial (3 créditos)
- Tópicos Especiais em Economia I (1 crédito)
- Tópicos Especiais em Economia II (2 créditos)
- Tópicos Especiais em Economia III (3 créditos)

Trabalho de Conclusão (12 créditos) keyboard_arrow_down

-Defesa de Tese (12 créditos)

Luiz Valdemir Ribas da Cruz Jr

Doutorando em Economia

Inscreva-se agora

PROCESSO SELETIVO

INSCREVA-SE

Inscrição Online

Período de inscrição: 01/10 a 17/11/2021

Taxa de inscrição: R$ 70,00
Observação: para os egressos da Unisinos é concedido um desconto de 50% na taxa de inscrição.


Confira o edital para o processo seletivo (PDF)


No item II do Edital você encontra a lista dos documentos obrigatórios que devem ser anexados durante a sua inscrição. Anexar todos os documentos obrigatórios é condição para o êxito da sua inscrição.

Saiba como converter arquivos em formato PDF


Seleção

Período: 25/11 a 03/12/2021.


Divulgação dos Aprovados

A lista preliminar dos candidatos selecionados será divulgada nesta seção a partir do dia 03/12/2021.

A lista definitiva dos candidatos selecionados será divulgada nesta seção a partir do dia 10/12/2021.

Confira a lista preliminar dos selecionados (PDF)

Confira a lista definitiva dos selecionados (PDF)


Matrículas

As matrículas serão realizadas de 10 a 17/01/2022.

Os Programas de Pós-Graduação da Unisinos permitem a participação de alunos não regulares em determinadas disciplinas dos cursos de Mestrado. São considerados alunos não regulares estudantes de outras instituições de ensino superior; graduados e pós-graduados sem vínculo com PPGs e também graduandos da UNISINOS que tenham concluído ou estejam matriculados em Trabalho de Conclusão de Curso I (TCC I) ou Trabalho de conclusão de Curso II (TCC II).

A cada semestre os programas divulgam as disciplinas do curso passíveis de aceitação de matrícula de alunos não regulares. A análise da inscrição é realizada pela Coordenação do PPG. Após parecer favorável da Coordenação, o aluno solicita matrícula, junto ao Atendimento Unisinos.


Baixe o regulamento para admissão de alunos não regulares (PDF)
Baixe a ficha de inscrição para alunos não regulares (DOC)


Inscrição

A solicitação deve ser realizada por e-mail para atendimento@unisinos.br a partir de 04/01 até 05 dias úteis antes do início das aulas (*) da disciplina de interesse, anexando a documentação exigida.


Veja as ofertas de 2021/2 (pdf)


Confira a lista da documentação necessária no link do regulamento (PDF) para admissão de alunos não regulares, disponibilizado acima.


Valores

Confira os valores para 2021

INVESTIMENTO

Confira o valor da parcela para o Doutorado Acadêmico em Economia:


60 parcelas de R$ 1568,53*

Financiamento próprio em até 60 parcelas.


*Valor para ingressantes em 2021.

Confira o valor da parcela para o Doutorado Acadêmico em Economia:


60 parcelas de R$ 1411,68*

Financiamento próprio em até 60 parcelas.


*Valor para ingressantes em 2021.

Ficou alguma dúvida?

Clique no botão abaixo para falar com um de nossos consultores.

Falar com consultor

PROGRAMAS DE BOLSAS E DESCONTOS

São egressos todos os estudantes que concluíram um nível completo de educação superior (alunos diplomados da Unisinos).


Egressos Unisinos possuem 10% de desconto nos Programas de Pós-graduação de Mestrado e Doutorado* Acadêmico e Profissional.


*Válido para ingressantes no Doutorado a partir de 2021.

O Programa de Bolsas Unisinos de Apoio à Pesquisa de Ciência, Tecnologia, Inovação e Empreendedorismo é direcionado à estudos inovadores que visem à criação de conhecimento prático e específico orientado à eixos/temas estratégicos da Unisinos.

Tal concessão busca induzir a criação de conhecimento que envolva todas as áreas de conhecimento, estimulando a cooperação em pesquisa de forma transversal entre Programas de Pós-Graduação, e o desenvolvimento de pesquisa básica dirigida e pesquisa aplicada.

 

Áreas estratégicas da Unisinos

» Microeletrônica

» Saúde e Tecnologias

» Inovação e Empreendedorismo

» Humanidades e Tecnologias

 

Para candidatar-se ao processo de bolsas, faça antes sua inscrição no processo seletivo do curso de interesse.

O Programa de Suporte à Pós-Graduação de Instituições Comunitárias de Educação - PROSUC concede Bolsas de Pós-graduação e Auxílios para o pagamento de Taxas escolares, para os melhores classificados nos processos seletivos de ingresso nos Programas de Pós-Graduação.


Mestrado Bolsa R$ 1.500 + Taxa Auxilio R$ 1.100

Doutorado Bolsa R$ 2.200 + Taxa Auxilio R$ 1.400


Veja o edital disponível para este processo de bolsa:

PROFESSORES DO CURSO

O aluno do Programa de Pós-Graduação em Economia tem à disposição um corpo docente composto por doutores, com formação nacional e internacional e reconhecida experiência profissional.

 

André Filipe Zago De Azevedo

André Filipe Zago De Azevedo

Doutor em Economia
WorkID/ORCID

André Azevedo possui Doutorado em Economia pela University of Sussex (Inglaterra), Mestrado em Economia e Graduação em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Vinculou-se à UNISINOS em 2003, dedicando-se a projetos de pesquisa e ao ensino em nível de Graduação e de Pós-Graduação, na área de Economia, em cursos da Escola de Gestão e Negócios da UNISINOS. É professor permanente no Programa de Pós-Graduação em Economia (PPGE) e no Programa Profissional em Gestão e Negócios (PPGN), Editor da Revista Perspectiva Econômica, Colíder do Grupo de Pesquisa: Integração Econômica Internacional (UNISINOS - CNPq) e Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 2. Tem experiência na área de Economia, com ênfase em Economia Internacional, atuando principalmente nos seguintes temas: Relações do Comércio, Política Comercial, Integração Econômica, Blocos Econômicos, Estudos Empíricos de Comércio Internacional.

Angélica Massuquetti

Angélica Massuquetti

Doutora em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade
WorkID/ORCID

Possui Doutorado em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), com Doutorado Sanduíche na Ecole des Hautes Etudes en Sciences Sociales (França), Mestrado em Economia Rural e Graduação em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Vinculou-se à UNISINOS em 2000, dedicando-se a projetos de pesquisa e ao ensino em nível de Graduação e de Pós-Graduação, na área de Economia, em cursos da Escola de Gestão e Negócios da UNISINOS. É professora permanente no Programa de Pós-Graduação em Economia (PPGE), Editora Assistente da Revista Perspectiva Econômica, Colíder do Grupo de Pesquisa: Integração Econômica Internacional (UNISINOS - CNPq) e Editora de Economia Rural da Revista de Economia e Sociologia Rural (RESR). Tem experiência na área de Economia, com ênfase em Economia Internacional, atuando principalmente nos seguintes temas: Comércio Agropecuário Internacional, Integração Econômica Internacional, Política Agrícola Internacional, Economia Regional e Rural.

Guilherme Stein

Guilherme Stein

Doutor em Economia de Empresas
WorkID/ORCID

Eu sou formado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, tenho mestrado e doutorado em Economia pela Fundação Getulio Vargas. Sou professor assistente do Programa de Pós-Graduação em Economia (PPGE) da Unisinos desde 2019. Meus temas de interesse são: Avaliação de Impacto Causal, Microeconometria Aplicada, Economia do Trabalho, Desenvolvimento Econômico, Economia Política e Economia Social. Minha página pessoal é: https://sites.google.com/site/steinguilherme/

Janaína Ruffoni Trez

Janaína Ruffoni Trez

Doutora em Política Científica e Tecnológica
WorkID/ORCID

Líder do Grupo de Pesquisa em Dinâmica Econômica da Inovação (GDIN) desde 2013. Temas de interesse: crescimento, desenvolvimento econômico e inovação paradigmas tecnológicos e adoção de inovações dinâmica da concorrência e estudos setoriais dinâmica e capacidades de inovação das firmas, interação universidade-empresa, proximidades e fluxos de conhecimento.

Kadígia Faccin

Kadígia Faccin

Doutora em Administração
WorkID/ORCID

Doutora em Administração pela Unisinos e em Ciências da Informação e da Comunicação pelo Instituto de Comunicação e Tecnologias Digitais da Universidade de Poitiers/França. Atua no Programa de Pós-Graduação em Administração (PPGA), Programa de Pós-Graduação em Economia (PPGE) e no Programa de Pós-Graduação em Gestão e Negócios (PPGN - Doutorado Profissional/Prof. Convidada). Temas de Interesse para pesquisa: Estratégia e Relações Interorganizacionais, Inovação Colaborativa, Ecossistemas de Inovação e Educação para a Inovação.

Luciana de Andrade Costa

Luciana de Andrade Costa

Doutora em Economia
WorkID/ORCID

Ph.D. em Economia pela Drexel University (2012). Possui graduação em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2002) e mestrado em Administração de Empresas (Finanças) pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2005). É Professora Assistente do Programa de Pós-Graduação em Economia (PPGE) da Unisinos desde 2014. Coordenou o PPGE entre setembro de 2016 e novembro de 2020. Suas áreas de pesquisa são Organização Industrial, Economia da Saúde e Microeconometria.

Magnus dos Reis

Magnus dos Reis

Doutor em Economia
WorkID/ORCID

Professor e Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Economia da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos). Possui doutorado (2017) em Economia Aplicada pelo Programa de Pós-Graduação em Economia da UFRGS, graduação em Ciências Econômicas (2008) e Mestrado em Economia Internacional (2012) pela Unisinos. Atualmente, integra o Grupo de Pesquisa Integração Econômica Internacional e é membro do conselho fiscal da Associação Nacional dos Centros de Pós-Graduação em Economia (ANPEC).Tem experiência e interesse pelas seguintes áreas: Comércio Internacional, Econometria, Política Comercial e Investimento Estrangeiro Direto (IED).

Marcos Tadeu Caputi Lelis

Marcos Tadeu Caputi Lelis

Doutor em Economia
WorkID/ORCID

Professor do Programa de Pós-Graduação em Economia da Unisinos. Possui mestrado e doutorado em economia com publicações em revista A1 e A2 internacionais. É bolsista produtividade do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Atualmente é coordenador do Grupo de Pesquisa Competitividade e Economia Internacional, desenvolvendo pesquisas em parceria com instituições públicas e privadas no Brasil.

Rafael Kunst

Rafael Kunst

Doutor em Computação
WorkID/ORCID

Professor e pesquisador do Programa de Pós-Graduação em Economia da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos). Possui doutorado e mestrado em Ciência da Computação, ambos recebidos pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Seus interesses atuais de pesquisa envolvem ciência de dados, aprendizado de máquina, Indústria 4.0, comunicações móveis de última geração, como 5G e 6G, redes militares e Internet das Coisas. Ele tem vasta experiência como consultor, coordenando e participando de projetos com universidades e empresas no Brasil e no exterior. Em 2009 e 2010 foi pesquisador convidado na Universidade de Pisa, na Itália. Em 2020 foi professor visitante no IBM Watson IoT Center, em Munique, na Alemanha.

Tiago Wickstrom Alves

Tiago Wickstrom Alves

Doutor em Economia
WorkID/ORCID

Os principais temas de interesse do pesquisador são: Custos, Avaliação de Desempenho das Organizações, Análise da Competitividade das Instituições e Mercado de Ensino Superior, fundamentados em Microeconomia Aplicada e Economia Comportamental.

Colaborador keyboard_arrow_down

Gisele Spricigo

Gisele Spricigo

Doutora em Economia
WorkID/ORCID

Experiência em educação e orientação econômica, e formação econômica para os diferentes públicos. Graduada em Ciências Econômicas, doutora e mestre em Economia do Desenvolvimento e Desenvolvimento Rural. Coordenadora dos Cursos de Graduação em Ciências Contábeis, Ciências Econômicas e Gestão Financeira, professora nos cursos de graduação da Escola de Gestão e Negócios, nas especializações e professora colaboradora no PPG em Economia, da Unisinos.

Pesquisador Voluntário keyboard_arrow_down

Jose Roberto Iglesias

Jose Roberto Iglesias

Doutor em Física
WorkID/ORCID

Fez graduação em física no Instituto Balseiro, Centro Atômico Bariloche, Argentina, onde concluiu a Licenciatura (equivalente ao Bacharelado no Brasil) em Física em 1969. Fez doutorado em física (Docteur ès Sciences) no Laboratoire de Physique des Solides da Université Paris Sud, Orsay, France em 1977,. Em 1986 aprovou concurso público de provas e títulos e assumiu como Professor Titular do IF-UFRGS. Além disso, é bolsista de produtividade em pesquisa do CNPq desde 1979, atualmente nível Sénior. Nos últimos anos vem se dedicando ao estudo de problemas interdisciplinares: principalmente física aplicada à economia e às ciências sociais, estudando problemas como distribuição de renda, propagação de opiniões, epidemias, criminalidade e propagação de risco em redes complexas. Em agosto de 2019 a UFRGS lhe concedeu o título de Professor Emérito.

INFRAESTRUTURA

Confira também