Inscrições abertas para a Semana da Imagem

Evento, que chega a sua 18ª edição, terá a participação de convidados nacionais e internacionais

LISANDRA STEFFEN

O semestre recém começou e os eventos promovidos pela Escola da Indústria Criativa já estão batendo na porta. Um deles é a XVIII Semana da Imagem na Comunicação, que será realizado entre 16 e 19 de março. O tema central é “entre arquivar e experimentar na tecnocultura”.

A temática surgiu a partir das problematizações que o Grupo de Pesquisa Audiovisualidades e Tecnocultura: Comunicação, Memória e Design (TCAv) faz desses dois movimentos. O TCAv, vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação (PPGCOM) da Unisinos, é o responsável pela organização do evento.

Para o professor Gustavo Fischer, um dos organizadores do evento, com a sensação de onipresença digital, a discussão sobre o arquivo é necessária porque coloca em jogo, entre outros tópicos, o tema de preservação e a ideia de efemeridade. A experimentação, segundo Fischer, também é interessante para pensar as mídias audiovisuais dentro da tecnocultura. “Podemos conciliar a reflexão sobre conceitos com a construção de objetos e, também, pensar um pouco na diluição dessas fronteiras”, afirma o professor.

Fischer destaca a importância do evento para o público: “É uma perspectiva que permite ouvir ideias, pesquisas, conceitos, experimentações de pesquisadores e profissionais de outros lugares”. Para o TCAv, explica o professor, a Semana da Imagem é um compromisso da pós-graduação de colaborar com a formação da graduação, já que todo o formato do evento é pensado para ser acessível para esse público.

Nesta edição, o evento conta com convidados nacionais e internacionais. A primeira palestra, no dia 16 de março, intitulada “The Error at the End of the Internet”, será com Peter Krapp, da Universidade da Califórnia. Professor de Estudos de Cinema e Mídia, ele pesquisa sobre cultura digital, história da mídia, comunicações secretas e memória cultural.

No dia 17 de março, o convidado é Lucas Bambozzi. O pesquisador e artista produz vídeos, instalações, performances audiovisuais e projetos interativos em diversos países. A conversa vai girar em torno da relação entre dispositivos e linguagens.

Em 18 de março, o evento será duplo, com palestras ministradas pelo professor João Ladeira, que falará sobre “Blockchains e criptomoedas: ruído onipresente e arquivo infindável”, e com a preservacionista audiovisual Ines Aisengart Menezes, que abordará o tópico “Cultura digital e impacto nas práticas de arquivo”.

Encerrando a Semana da Imagem, o pesquisador Xavier Aldana Reyes, da Universidade Metropolitana de Manchester, traz a temática “The what and why of found footage horror”.

Para os organizadores do evento, a ideia é que os participantes se sintam instigados pela temática e que as palestras provoquem questionamentos. “Esperamos que eles percebam que a Universidade é um espaço onde esses momentos, talvez, sejam até mais relevantes do que aquela rotina mais tradicional”, sublinha Fischer.

A XVIII Semana da Imagem na Comunicação ocorre entre os dias 16 e 19 de março, a partir das 20h, no Auditório Central da Unisinos São Leopoldo. O evento é gratuito, com tradução para as palestras internacionais. Se você ficou interessado nos debates, as inscrições devem ser feitas neste link.