Comportamento Alimentar e os impactos para a saúde

Tema foi destaque na primeira noite da Semana Acadêmica do curso de Nutrição da Unisinos

VANESSA IORIS - FUNPET

O hábito de comer está relacionado aos costumes e à realidade em que estamos inseridos. O ambiente familiar, assim como fatores socioculturais e socioeconômicos influenciam na escolha sobre o que colocar no prato. E, se ela for inadequada, pode afetar diretamente a saúde. Essas e outras questões foram abordadas na palestra sobre “Comportamento Alimentar”, tema da primeira noite da Semana Acadêmica do curso de Nutrição da Unisinos.

O evento, destinado a alunos e profissionais da área, teve início nesta segunda-feira, 09/09, no Campus São Leopoldo. O objetivo foi oportunizar novas experiências, atualização de conhecimentos e a aproximação com o mercado de trabalho. Tudo isso por meio de oficinas, apresentação de trabalhos e palestras com convidados.

[Palestra curso de Nutrição: Comportamento Alimentar e os impactos para a saúde Crédito: Janaína Costa

Segundo a professora do curso de Nutrição da Unisinos Vanessa Backes, as temáticas trazidas nessa edição foram propostas pelos próprios alunos e acolhidas pela coordenação. “Comer é um ato comportamental. Ao comer, somos influenciados pela companhia, tempo, conhecimento, condição financeira e pelo humor. Desta forma, compreender estes determinantes é fundamental para um profissional que trabalha com o ato de se alimentar”, explicou.

Entre as convidadas da primeira noite, estava a nutricionista Patrícia Damé. Ela trouxe para o público, de cerca de 200 pessoas, sua experiência no estudo e na prática do comportamento alimentar. Falou sobre a importância de observar os gatilhos, que vão levar ao desenvolvimento de determinadas características do comportamento, e sobre as formas de trabalhar com intervenções de mudança.

Patrícia acredita que um dos principais desafios para o profissional da área de Nutrição está na capacidade de escutar o indivíduo. “Quando a gente fala em estudar ou trabalhar com comportamento alimentar, isso exige que a gente consiga enxergar o indivíduo como um todo. E entender todos os seus comportamentos a partir da compreensão dessa interação, que acontece entre indivíduo e ambiente, isso é muito complexo. E exige, principalmente, um bom processo de escuta”, reiterou.

A nutricionista Luciana Rocha também teve a oportunidade de compartilhar sua experiência com o público presente. Ela contou sobre a atuação de dois anos junto ao Sistema Único de Saúde, o SUS, por meio da Rede de Atenção Psicossocial de São Leopoldo. Essa vivência serviu como ponto de partida para reflexões em relação a temas como a cultura da magreza, gordofobia e o papel do nutricionista frente a essas questões.

[Palestra curso de Nutrição: Comportamento Alimentar e os impactos para a saúde Crédito: Janaína Costa

De acordo com Luciana, é preciso pensar sobre outras possibilidades de trabalho, para além do que está colocado. “Acredito que o maior desafio, e também a parte mais interessante, é o fato de ser uma abordagem centrada no paciente, e não no profissional. Portanto, não existe uma receita, um jeito certo ou errado de fazer. Cada processo é uma construção única entre o nutricionista e quem o procura, o que exige uma mudança de postura importante no processo terapêutico, tendo como referência o atendimento nutricional tradicional. Mais escuta do que prescrição, mais compreensão dos processos psicossociais envolvidos na alimentação do que avaliação física”, destacou.

Outra convidada da noite foi a nutricionista Héllen Tramontin. A profissional falou sobre os desafios encontrados em sua experiência clínica envolvendo o comportamento alimentar, e compartilhou os benefícios que o entendimento e a aplicabilidade desse processo proporciona para quem busca ajuda e orientação nutricional.

Para Héllen, abordar durante o evento o tema do comportamento alimentar permite ampliar ainda mais o entendimento que o aluno de Nutrição acessa na graduação. “A atuação do nutricionista é ampla e cheia de possibilidades. Esse assunto pode contribuir esclarecendo quais os caminhos serão necessários seguir e quais os desafios serão encontrados”, enfatizou.

[Palestra curso de Nutrição: Comportamento Alimentar e os impactos para a saúde Crédito: Janaína Costa

A programação da Semana Acadêmica do curso de Nutrição da Unisinos segue até esta terça-feira, 10/09, no Campus São Leopoldo. O encerramento ficará por conta da palestra “Empreendedorismo e Nutrição”. Ainda é possível participar mediante inscrição. Saiba mais no site do evento.