Da Floresta ao Deserto de Gelo: Pesquisas Geológicas na Antártica

Exposição inicia no dia 30/7 e vai até 30/1/2022

MATHEUS N. VARGAS

A Unisinos, através do curso de Geologia, firmou uma parceria com o Geo Museu de Gramado. Através dessa cooperação, ocorrerá a exposição Da Floresta ao Deserto de Gelo: Pesquisas Geológicas na Antártica, a mostra oportunizará aos visitantes uma viagem a um dos locais mais isolados do mundo: a Antártica, mas uma Antártica antiga, quente e cheia de florestas, bem diferente dos dias de hoje.

Crédito: Edson Vandeira

O coordenador do curso de Geologia, Rodrigo Horodyski, dá detalhes do que será encontrado na exposição. “Os visitantes conhecerão os fósseis de plantas e animais marinhos e terrestres descobertos durante 60 dias de expedição no continente gelado e o dia-a-dia desafiador dos pesquisadores do Projeto PaleoClima, da Geologia Unisinos, que trabalharam nestas escavações”, explica.

A exposição é indicada à visitação de moradores, turistas, estudantes, professores, escolas e cientistas, mediante ingresso de acesso ao parque, e vai oferecer experiências reais e vivências com momentos marcantes como:

  • A montagem de um acampamento real com itens utilizados em expedições do Programa Antártico Brasileiro como barracas, bandeiras do Brasil desgastadas pelo clima da Antártica, e equipamentos utilizados pelos pesquisadores;
  • Exposição de materiais fósseis de animais e plantas e de rochas descobertos no Continente Antártico. Serão mais de 50 amostras históricas (algumas amostras com mais de 50 milhões de anos);
  • Exposição fotográfica do renomado fotógrafo paulista Edson Vandeira, especializado em aventura, cultura e ciência. Com fotos incríveis do continente gelado, Edson tem seu trabalho representado inclusive pela National Geographic Image Collection (EUA), e há 7 anos apoia o Programa Antártico Brasileiro, como um dos alpinistas responsáveis pela segurança dos cientistas durante a permanência e nos deslocamentos na Antártica;
  • Documentos e equipamentos históricos como mapas antigos e equipamentos dos profissionais de Geologia da Unisinos.

Toda a exposição será acompanhada de banners com conteúdos informativos técnico-científicos sobre a Geologia geral da Antártica. Também faz parte do cenário da exposição, vídeos com imagens captadas por drone e helicóptero.

A exposição na Serra Gaúcha é uma iniciativa do Geo Museu com realização e curadoria da Unisinos, através dos cursos de Geologia e Pós-Graduação em Geologia, itt Fóssil, Museu de História Geológica do Rio Grande do Sul (MHGEO), Museu Itinerante de Ciências Naturais, com apoio do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (CNPQ e CAPES) e Programa Antártico Brasileiro - PROANTAR.

SERVIÇO:

  • Exposição Da Floresta ao Deserto de Gelo - Pesquisas Geológicas na Antártica
  • Onde: Geo Museu - Gramado- RS
  • Quando: De 30 de julho de 2021 a 30 de janeiro de 2022
  • Horários: Segundas, terças, quintas, sextas, sábados e domingos das 8:30 às 17:00
  • Ingressos: https://ingresso.geomuseu.com.br/
  • Estudantes, funcionários e professores da Unisinos, com identificação, não pagam ingresso.