Jornalismo da Unisinos é o melhor do Brasil

Curso de Porto Alegre conquistou a melhor colocação no país, entre universidades públicas e privadas

MICHELLI MACHADO

A Escola da Indústria Criativa da Unisinos e o curso de Jornalismo de Porto Alegre têm muito a comemorar. Isso, porque nessa quarta-feira, 11/12, saiu o resultado da avaliação dos Indicadores de Qualidade da Educação Superior, feita pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), que apontou o curso de Jornalismo da Unisinos como o melhor do país.

Crédito: Rodrigo W. Blum

A graduação concorreu com outras 282 instituições, públicas e privadas, de todo o Brasil e ficou em primeiro lugar. A conquista é inédita para o curso, criado em 2012, e demonstra o trabalho de excelência realizado por professores, alunos e toda a comunidade acadêmica.

Coordenadora do curso de Jornalismo de Porto Alegre desde 2017, Débora Gadret comemorou a conquista. “Tenho muito orgulho do trabalho que os professores realizam em sala de aula, exigindo não apenas a formação técnica do estudante, mas sua formação crítica, ética e comprometida com os valores do campo. A Universidade nos permite, tanto por seus valores humanistas quanto pela estrutura que disponibiliza, trabalhar com a formação integral do jornalista”, afirmou.

Débora ainda destacou que vivemos em um ambiente onde a desinformação impera, e o papel do jornalismo de informar de maneira qualificada torna-se cada vez mais relevante. “Tenho plena confiança de que nossos alunos e egressos estão cientes do peso dessa responsabilidade e do que ela significa para uma sociedade livre e democrática”, enfatizou.

A coordenadora finalizou reforçando que esse resultado é uma conquista coletiva, fruto do trabalho do colegiado, do empenho dos funcionários e da dedicação dos estudantes. “Somos um grupo que luta pela formação de um profissional de excelência. Posso dizer que Porto Alegre é nota 5, mas que agradeço a todas as pessoas que fazem o curso de Jornalismo da Unisinos - tanto em Porto Alegre quanto em São Leopoldo. Não se constrói nada sozinho e somos herdeiros do Jornalismo da Unisinos São Leopoldo, de sua tradição e qualidade”, encerrou.

O decano da Escola da Indústria Criativa, Carlo Franzato, também comemorou a conquista. “É um reconhecimento de grandíssima importância que nos dá muita felicidade, no curso, na Escola de Indústria Criativa e na Universidade toda. Os avaliadores do INEP são profissionais muito preparados e capazes de apreciar as diversas dimensões que permitem o pleno desenvolvimento de um curso de graduação, proposta curricular, infraestrutura e corpo docente”, afirmou.