A relação do trabalho humano com plataformas digitais e a inteligência artificial

Tema será discutido nos dias 19 e 20 de abril durante o seminário Histories of AI: Imaginaries and Materialities, organizado pelo DigiLabour, da Unisinos

HENRIQUE BERGMANN - PORTAL MESCLA

Discutir as especificidades da relação entre plataformas digitais, inteligência artificial e seres humanos. Essa é a proposta de Histories of AI: Imaginaries and Materialities, promovido pelo Laboratório de Pesquisa DigiLabour, da Unisinos. O evento on-line será realizado nos dias 19 e 20 de abril.

O encontro será organizado em mesas de discussões compostas por pesquisadores convidados. “Eles irão debater o impacto causado nas pessoas por essas tecnologias e o papel dos seres humanos na construção e desenvolvimento de inteligências artificiais”, comenta Maria Clara Jobst, pesquisadora e professora do Programa de Pós-graduação de Comunicação (PPGCOM). Ela é organizadora do seminário ao lado de Rafael Grohmann, coordenador do Digilabour e também professor e pesquisador do PPGCOM.

O evento faz parte do projeto “O trabalho oculto de mulheres brasileiras em plataformas de inteligência artificial”, desenvolvido pela equipe do DigiLabour. O estudo recebe financiamento da Histories of Artificial Intelligence: A Genealogy of Power, da Universidade de Cambridge, na Inglaterra. A iniciativa, iniciada em 2020, patrocina estudos que investigam o entrelaço da inteligência artificial nos sistemas político, de poder e controle. O objetivo é oferecer uma perspectiva estrutural e histórica sobre as promessas e problemas da inteligência artificial e machine learning. Os principais temas abordados são trabalhos ocultados, comportamento codificado, injustiças cognitivas e retórica dissimulada.

Maria Clara acredita que o projeto tem capacidade de render mais eventos, pesquisas e discussões sobre inteligência artificial e plataformas digitais. "Ainda estamos no início do estudo (O trabalho oculto de mulheres brasileiras em plataformas de inteligência artificial). Para divulgação dos resultados, apresentação de artigos e das pesquisas, provavelmente outros eventos serão feitos”, adianta a professora.

Marque na agenda:

  • Evento: Histories of AI: Imaginaries and Materialities
  • Quando: dias 19 e 20 de abril
  • Horário: das 8h30min às 18h
  • Investimento: gratuito
  • Público: toda a comunidade universitária
  • Inscrição: através deste link.