Colaboradores da Unisinos recebem a segunda dose da vacina contra a Covid-19

Na última sexta-feira, 06 de agosto, mais de 1.300 colaboradores da Universidade receberam a 2º dose da vacina contra a Covid-19. Essa é uma ação do Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação, promovida pela Secretaria de Saúde do município de São Leopoldo, com o apoio e colaboração da Universidade. A iniciativa segue a premissa principal do Plano de Contingência (PC Covid-19 Unisinos), do cuidado e atenção à saúde da comunidade universitária.
Na última sexta-feira, 06 de agosto, mais de 1.300 colaboradores da Universidade receberam a 2º dose da vacina contra a Covid-19. Essa é uma ação do Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação, promovida pela Secretaria de Saúde do município de São Leopoldo, com o apoio e colaboração da Universidade. A iniciativa segue a premissa principal do Plano de Contingência (PC Covid-19 Unisinos), do cuidado e atenção à saúde da comunidade universitária.
Image
Crédito: Sofia Wolff

O diretor da Unidade de Apoio de Operações e Serviços, Cristiano Richter, acredita que o evento da vacinação represente uma transição deste processo de pandemia. “Estamos felizes em iniciar o segundo semestre com a aplicação da segunda dose da vacina para nossos colaboradores. Já tínhamos praticamente 90% dos colaboradores imunizados com a primeira dose. Agora temos o esquema vacinal completo. Somos gratos à Secretaria de Saúde de São Leopoldo pela promoção desta ação coletiva em nosso campus”, enfatiza Cristiano.

A analista administrativa da Unidade Acadêmica de Pesquisa e Pós-Graduação - UAPPG, Jéssica Schmidt, conta que receber a segunda dose da vacina, dá uma sensação de esperança e segurança de que estamos cada vez mais próximos de voltar à rotina. “Após tantos momentos de angústia e tristeza, sinto que estamos dando um passo mais próximo para um futuro que volta aos poucos ao normal, com a certeza de que nada, nem ninguém permanece o mesmo de antes, pois evoluímos e aprendemos tanto nesses quase dois anos, que jamais teríamos tido a oportunidade de nos reinventar e vivenciar todo esse crescimento interno”.

Image
Crédito: Sofia Wolff
A auxiliar administrativa do Conecta, Gabriela Piva, diz se sentir muito feliz e grata pela oportunidade de estar tomando a segunda dose da vacina contra a Covid-19. “Acredito que essas palavras sejam as que mais resumem os meus sentimentos em relação à vacina. Ao mesmo tempo fico apreensiva por aqueles que já têm a oportunidade e a deixam passar, a vacina é realmente algo muito importante para o coletivo neste momento e devemos sempre pensar além de nós em casos como esse, sem esquecer de tomar as duas doses recomendadas, pois só assim a imunização estará completa. Ver que aos poucos todos são imunizados traz mais esperança de que poderemos retomar, seguindo os protocolos, um pouco mais de nossas atividades e que logo a pandemia seja apenas uma lembrança”.
Image
Crédito: Rafael Bauer
A segunda dose se faz necessária e fundamental para o bem-estar de todos, não apenas para a pessoa de forma individual, mas principalmente, por todos aqueles que estejam dentro do convívio familiar ou próximo dela, é o que afirma a analista administrativa da Gerência de Operações – UOS, Charlise Sanz. “A segunda dose também permite a imunização completa e bem-estar de todos, proporcionando o retorno gradual das atividades rotineiras similares antes à pandemia. Importante destacar, que mesmo realizando a segunda dose, todos os cuidados sanitários de preservação do vírus devem ser mantidos, como exemplos, uso da máscara, álcool gel, distanciamento social, dentre outros. É fundamental que todos tenham essa consciência e sigam preservando a saúde para o bem coletivo geral”, afirma.
Image
Crédito: Rafael Bauer

Cristiano Richter explica que esta é uma ação coletiva e que vamos sair deste processo enquanto comunidade. “Com a perspectiva do avanço do cronograma nacional de vacinação, somado à diminuição dos indicadores Covid-19 de nossa região e base jurídica atual, planejamos avançar com a estratégia de incremento gradual das atividades presenciais em nossos campi ao longo deste semestre. O momento ainda requer atenção e cuidado dos protocolos sanitários, mas a vacinação traz esta boa perspectiva para o semestre que se inicia. Seguimos com lucidez e cautela nas ações promovidas pelo Plano de Contingência em consenso com nossa comunidade”.

Confira aqui os demais protocolos do Plano de Contingência da Unisinos. Continue se cuidando e cuidando da saúde daqueles que o cercam.