Candidatos ao governo do Estado debatem na Unisinos

Atividade marcou o segundo dia da Calourada do DCE 2018/2

MICHELLI MACHADO

Nessa terça-feira, 14 de agosto, o Anfiteatro Padre Werner, no Campus São Leopoldo da Unisinos, foi palco de um debate sobre o Rio Grande do Amanhã, com os candidatos ao governo do Estado. A atividade foi uma iniciativa do Diretório Central dos Estudantes (DCE) e contou com a participação das seguintes lideranças: Jairo Jorge (PDT), Mateus Bandeira (NOVO), Roberto Robaina (PSOL) e Eduardo Leite (PSDB).

[Debate dos candidatos a governador do estado nas eleições 2018 Crédito: Rodrigo W. Blum

Os estudantes lotaram o anfiteatro para ouvir as propostas dos candidatos. O primeiro a falar foi o ex-prefeito de Pelotas, Eduardo Leite. “Não temos que resolver todos os problemas, mas temos que apontar um rumo. Precisamos ter uma pauta de desenvolvimento para gerar receita sem aumentar impostos”, afirmou.

[Debate dos candidatos a governador do estado nas eleições 2018 Crédito: Rodrigo W. Blum

O candidato seguinte, a fazer uso da palavra, foi Roberto Robaina, um dos fundadores do PSOL, partido que representa. “É muito difícil institucionalizar um processo de massa e em junho de 2013 tivemos essa oportunidade e perdemos. Precisamos ter claro que não estamos numa eleição normal, hoje temos uma democracia falsa e um Estado a serviço dos mais ricos. Temos isenções fiscais indecentes que prejudicam o Estado”, destacou.

[Debate dos candidatos a governador do estado nas eleições 2018 Crédito: Rodrigo W. Blum

Jairo Jorge, ex-prefeito de Canoas, em sua fala disse que precisamos fazer o Rio Grande do Sul crescer e para isso é necessário desburocratizar. “Temos que reduzir a carga tributária. Como prefeito eu reduzi a alíquota e aumentei a arrecadação gerando empregos. Ao invés de privatizar o Banrisul temos que investir em educação. O RS tem solução”, enfatizou.

[Debate dos candidatos a governador do estado nas eleições 2018 Crédito: Rodrigo W. Blum

O último candidato a apresentar suas propostas foi Mateus Bandeira. Auditor fiscal do Estado, o candidato foi secretário de Planejamento e Gestão durante o governo de Yeda Crusius. “Nos três anos que estive à frente do tesouro do Estado foi quando as contas estiveram no azul. Fui convidado para presidir uma empresa fora do país, mas fiquei para tentar melhorar o Brasil. Sou novo na política, mas antigo na administração pública”, afirmou. 

[Debate dos candidatos a governador do estado nas eleições 2018 Crédito: Rodrigo W. Blum

O debate acabou abrindo para um bloco de perguntas dos estudantes. As atividades da Calourada do DCE 2018/2 continuam até o dia 22/8. Confira o que ainda tem por vir clicando aqui

[Debate dos candidatos a governador do estado nas eleições 2018 Crédito: Rodrigo W. Blum