Aprendendo a aprender: 8 dicas para seus estudos renderem mais

IMPULSO

Desenvolver seu próprio método é o primeiro passo para quem pretende ser bem sucedido nos estudos. Não importa se você deseja estudar para o ENEM, quer passar em um concurso, prestar um vestibular ou simplesmente aproveitar o máximo das aulas: as suas técnicas de estudo serão cruciais para o sucesso. Principalmente quando estudamos em casa, em um curso online, por exemplo.

Saber como distribuir de forma efetiva o tempo de estudo é importante para atingir os resultados esperados. Adotar alguns hábitos simples podem ser a chave para conseguir estudar melhor e aprender mais. Neste artigo, você vai conhecer algumas dicas simples, mas que podem ser muito úteis para você otimizar o tempo e o esforço que dedica ao seu aprendizado no dia a dia, com foco no longo prazo.

Dicas Estudo Crédito: Divulgação

Como estudar e aprender

Nossa capacidade de estudo pode melhorar se aplicarmos às nossas rotinas algumas breves estratégias.

1. Divida em partes os seus estudos

Algumas pesquisas sobre desempenho do estudo indicam que é melhor estar atento ao tempo dedicado aos livros, promovendo um curto período para cada sessão. O recomendado é dedicar a cada estudo um período que não passe de 30 minutos.

O motivo? É mais fácil assimilar mensagens curtas e repetidas, do que ficar longas horas sobre uma única informação.

2. Mantenha o ritmo

Se deixamos nosso ritmo de estudo desorganizado, é possível optarmos pelo período mais tarde da noite para pegar os livros, momento em que o sono e o cansaço atrapalham muito a concentração. Aí é que entra uma rotina saudável, que pode começar com a elaboração de um cronograma.

Porém, para que funcione, é preciso definir suas prioridades e também ser honesto com seu tempo disponível. Sempre tendo em mente que uma rotina regular ajuda a manter a concentração.

3. Faça um resumo de cada lição

Somente sublinhar textos é uma técnica que não ajuda muito a memorizar o conteúdo. Em vez disso, fazer pequenos resumos da lição nos obriga a reformular as informações, auxiliando-nos a entender melhor o que lemos anteriormente.

4. Evite as distrações

Durante o estudo, afaste-se das redes sociais, aplicativos de mensagens, televisão, etc. Esse tempo dedicado ao seu aprendizado é precioso. Lembre-se: momento de estudo é momento de estudo.

5. Deixe seu material organizado

Prepare seu material de estudo antes de qualquer outra coisa. Ter tudo ao seu alcance impedirá a necessidade de levantar-se e procurar por coisas que faltaram, distraindo-se.

Com tudo organizado e disponível, a concentração será maior, e a aprendizagem será mais eficiente. Se, a cada vez que você começar a estudar, for necessário reorganizar todos os materiais, você perderá um tempo de estudo precioso.

6. Pratique sempre

Faça avaliações de seu conhecimento com questionários e perguntas sobre o tema que está estudando. Isso ajudará bastante a detectar suas falhas em assuntos onde há mais dificuldade. Também será uma maneira de medir o seu progresso, promovendo um impacto positivo no seu desempenho.

7. Explique a matéria para os outros

Explicar o que aprendeu com as suas próprias palavras é um conselho de ouro. Por dois motivos: um é a possibilidade de reformular a lição mentalmente, revisando tudo aquilo que foi estudado. O outro motivo é que será possível fazer uma autoavaliação. Com isso, você poderá detectar aqueles assuntos que pensou ter aprendido, mas que podem ainda estar pendentes no seu aprendizado.

8. Não deixe de descansar

Substituir horas de sono por horas de estudo não é um bom negócio. Independente de qualquer coisa, é necessário dormir entre 7 e 8 horas. Nosso corpo e cérebro precisam descansar. Sem essa pausa, o desempenho cairá e você sentirá reflexos sobre o bem estar.

É preciso um sono de qualidade para que possamos nos dedicar 100% ao assunto no dia seguinte, e seguir adiante com o estudo.

É importante também deixar claro que, para cada estudante, os hábitos de estudo não são exatamente os mesmos. Cada um tem suas particularidades, e algumas coisas que são mais fáceis para uns, podem ser mais complexas para outros.

No entanto, a melhor maneira de se dar bem nos estudos é experimentar diferentes técnicas.

Por isso, a última dica é simples: teste todas as estratégias que achar interessante, até encontrar aquela que mais se adequa às suas necessidades.