App de saúde para ajudar pessoas em isolamento social é lançado na Unisinos

Iniciativa com pré-triagem, teleconsulta e chat é fruto da parceria entre a Universidade, Tecnosinos e a Eagle Care

PEDRO BARBOSA E RHAVINE FALCÃO

Com o objetivo de ajudar pessoas que estão em isolamento social por conta do novo coronavírus (Covid-19), nesta quinta-feira, 30/4, foi lançado o aplicativo de saúde Eagle Care. Desenvolvido por uma startup do Parque Tecnológico da Universidade, o Eagle Care é um aplicativo de agendamento de consultas e controle de medicamentos.

[Aplicativo foi desenvolvido durante hackaton que contou com voluntários Crédito: Rodrigo W. Blum

Com a quarentena, as pessoas estão precisando, cada vez mais, de serviços remotos. Pensando nisso, o app ganhou novas funcionalidades, desenvolvidas durante um Hackathon, um evento de programação que reúne profissionais de diferentes áreas, com o objetivo de criar soluções para um desafio. Realizado pela Universidade no final de março, contou com a participação de mais de 80 voluntários, que trabalharam em equipes, numa maratona de programação multidisciplinar online.

[Aplicativo foi desenvolvido durante hackaton que contou com voluntários Crédito: Rodrigo W. Blum

Conheça as novas funcionalidades:

  • Pré-triagem – um protocolo de triagem, questionário que tem como objetivo auxiliar na identificação dos sintomas da Covid-19. Após essa etapa inicial, a pessoa será encaminhada para o chat e/ou teleconsulta;
  • Chat – disponibilizará o atendimento online 24h por dia de profissionais da área da saúde que irão auxiliar quem não estiver se sentindo bem, além de informar os cuidados que podem ser tomados na prevenção da doença;
  • Teleconsulta – possibilitará a realização de consultas pelo aplicativo, encontros remotos entre profissionais da saúde e pacientes. Os atendimentos médicos ficam a cargo da Unidade Básica de Saúde de cada município. O usuário poderá agendar diretamente pelo aplicativo e a consulta será realizada também no Eagle Care.

Para a diretora do Tecnosinos, Susana Kakuta, esse é um momento importante da atuação do ecossistema de inovação da Unisinos.

“É quando a inovação se coloca diretamente a serviço da saúde. Esse aplicativo é um grande esforço de uma comunidade de inovação que se úne, projeta e coloca a serviço da sociedade uma ferramenta de fundamental importância”, afirma.

[Aplicativo foi desenvolvido durante hackaton que contou com voluntários Crédito: Rodrigo W. Blum

O aplicativo já está disponível para a comunidade de São Leopoldo. De acordo com secretário municipal de saúde, Ricardo Charão, serão disponibilizados três médicos para dar início à operação dos módulos de pré-triagem e chat online. "Hoje todas as unidades têm conexão com internet e isso também passa pela disponibilidade do profissional médico. Mas essa etapa já está sendo implantada", explica.

Sócio da Eagle Care, Moises Lima, destaca a solução desenvolvida. “É um sentimento de dever cumprido, com objetivo coletivo, poder colaborar com os municípios e a sociedade para enfrentar a Covid-19. Sabemos que estamos fazendo algo muito importante na conjuntura e no momento. Estamos felizes em poder colaborar num projeto que busca salvar vidas”, afirma.

[Aplicativo foi desenvolvido durante hackaton que contou com voluntários Crédito: Rodrigo W. Blum

O aplicativo permitirá que a rede pública de saúde dos municípios conte com soluções que facilitem e melhorem a pré-triagem da Covid-19, a comunicação com a sociedade, bem como a assistência médica e hospitalar. O aplicativo pode ser utilizado de forma gratuita pelo prazo de seis meses e está disponível no GitHub sob licença open-source (Creative Commons ou GPL), para Android e IOS em todo o Brasil. Os municípios que possuem interesse em utilizar o Eagle Care devem acessar o site da startup e preencher o formulário de contato.

Ficou interessado em saber mais sobre o aplicativo? Confira o podcast que preparamos: