Afetividade é tema central de evento

Atividade foi organizada por alunos da Graduação PRO

ANGELO GABRIEL DOS SANTOS - AGEXCOM

O encerramento do primeiro semestre teve clima de celebração para 150 alunos da atividade de Desenvolvimento Pessoal e Profissional: Colaboração (DPP), uma das atividades acadêmicas da nova Graduação PRO. A finalização deu origem a um evento chamado Happening Afetivo, que ocorreu nessa terça-feira, 2/7, na Claraboia da Biblioteca, no Campus São Leopoldo, e foi totalmente criado pelos alunos. O tema foi inspirado num hit desse semestre, mas com uma adaptação: "Juntos and Sharing Now".

[Novo Café Crédito: Rafael Bauer

A ideia de aproximar os alunos de quatro turmas veio do professor dos cursos de Moda, Design e Arquitetura Raimundo Giorgi Filho, e o tema central era "afetividade". A iniciativa teve a parceria das professoras da Escola da Indústria Criativa, Aline Bueno, Lisiane Cohen e Luciane Wolff, que ministra atividades na Psicologia e no GIL. A ideia era também praticarem o que estavam ensinando, já que a disciplina ocorreu pela primeira vez em 2019/1.

Ao longo do semestre, as turmas já tinham se reunido outras vezes e foram divididas em grupos. Cada grupo contribuiu para a realização do Happening Afetivo trazendo para a atividade a sua visão de mundo e o seu modo de pensar. "Quando a gente trabalha com colaboração não existe um controle tão acirrado, tu deixa a coisa fluir, porque é assim que funciona, senão não é colaboração", afirmou Aline.

[Novo Café Crédito: Rafael Bauer

Para ilustrar o afeto, os professores pediram aos alunos que trouxessem dez fotos de coisas que lhes tocassem. Durante o evento, eles produziram um grande painel com as imagens. A iniciativa incluiu ainda uma esquete teatral, declamação de poesia e espaço para pintura. O sentimento de coletividade fez parte do Happening. A estudante de Administração com ênfase em Comércio Exterior, Marina Müller, destacou o fato de ter podido construir e organizar um evento desse tamanho, a partir do zero. A jovem de 20 anos fez parte do grupo da organização artística, e, nessa função, teve contato com alunos de diferentes cursos. A experiência da atividade acadêmica fez com que Marina pudesse perceber a transformação dos colegas, que passaram a participar, colaborar e se comunicar mais ao longo do semestre.

[Novo Café Crédito: Rafael Bauer

Transformação é a palavra que define a trajetória da estudante de Ciências Biológicas, Alexia Pereira dos Santos. Antes de começar o curso, ela se interessava por questões sociais, mas não sabia como poderia realizar mudanças. A partir da DPP, a jovem de 18 anos, resolveu fazer um curso de Impacto e Empreendedorismo Social. Minutos antes de chegar no evento, Alexia recebeu um e-mail com o convite para trabalhar no projeto social de uma empresa.

[Novo Café Crédito: Rafael Bauer

"Eu consegui chegar no caminho que eu queria através dessa disciplina. E o incrível é que eu consegui entender que eu não preciso estar só dentro do meu curso, só dentro da minha área, que eu consigo conectar a minha área com a parte social, eu consigo conectar sustentabilidade, empreendedorismo, com a sociedade. A DPP me fez entender isso", relatou. "Eu consegui entrar num mundo completamente diferente do meu, essa coisa de explorar o novo, de mudar a tua visão de mundo, isso foi extremamente incrível. E, com certeza, é uma coisa que na graduação inteira vai estar presente por causa dessa disciplina", completou.

[Novo Café Crédito: Rafael Bauer