A música não pode parar

Grupo de Percussão Vida com Arte produz vídeos com canções durante o período de isolamento social

MICHELLI MACHADO

Desde o início da pandemia, em março de 2020, os atendimentos presenciais do projeto Vida com Arte foram interrompidos. No entanto, em meio ao período de isolamento social, o professor do Grupo de Percussão Vida com Arte, Douglas Gutjahr, inventou uma forma de não deixar a música parar e reuniu a turma toda na produção de vídeos com canções que os estudantes já tocavam no projeto. .

“Mandei a música para eles com a indicação da atividade: ouvir, aprender a tocar com a marcação de tempo e reproduzir. Foi um grande desafio, porque eles sempre tocaram em grupo e, nessa atividade, tiveram que tocar sozinhos para depois unir todo mundo no vídeo”, explica o professor..

Segundo Douglas, o objetivo da iniciativa é manter o grupo unido, continuar o processo de ensino da música e possibilitar que os educandos se ocupem com uma atividade cultural. “O vídeo faz com que eles se vejam e com que o trabalho deles seja visto pela comunidade. Já produzimos dois vídeos e a ideia é a cada 10 dias termos um vídeo novo”, afirma o professor.