Visita ao Tecnosinos

Embaixador e cônsul geral da Alemanha visitam o Parque

MICHELLI MACHADO
04 de Novembro de 2016 - 11:42 | Atualizado: 04 de Novembro de 2016 - 13:57

Na manhã desta sexta-feira, 04 de novembro, o embaixador da Alemanha, Georg Witschel, e o cônsul geral do mesmo país, Stefan Traumann vieram ao Tecnosinos para uma visita de cortesia. Esta foi a primeira vez que o embaixador veio ao Estado do Rio Grande do Sul e aproveitou a oportunidade para conhecer o Parque Tecnológico de São Leopoldo. 

[Autoridades do parque recebendo embaixador da alemanha

Na ocasião, a comitiva foi recebida pelo CEO do Tecnosinos, Luís Felipe Maldaner, que apresentou o local aos visitantes. Maldaner iniciou a apresentação mostrando fotos do Parque e falando das dimensões do local. “São 250 mil metros quadrados construídos”, destacou. Maldaner também falou dos Institutos Tecnológicos da Unisinos e das 80 empresas inseridas no Parque, que geram em torno de 4.500 empregos diretos. “O Tecnosinos trabalha com o sistema da tríplice hélice, que une universidade, governo e empresas”, salientou. O CEO também explicou como funciona o Prêmio Roser, que traz novos talentos para o Parque. “A premiação seleciona um projeto apresentado pelos estudantes e a melhor startup é incubada no Tecnosinos”, frisou.

[Autoridades e embaixador visitando o parque

Durante a visita, o embaixador falou da importância do cluster tecnológico no Estado para investidores alemães. “Temos aqui uma combinação única de universidade de pesquisa e inovação, que tem espaço e pessoas capacitadas a falar inglês, alemão e português, obviamente. É a combinação de coisas, pessoas, espaço, conhecimento, inovação, investimento. Dessa forma, nós seremos bem atrativos particularmente para pequenas e médias companhias do setor da saúde e outros”, destacou.

Após a apresentação, que aconteceu no Espaço Killing, o grupo foi convidado para um tour nas dependências do Parque.