MBEs oferecem formação diferenciada na área

MICHELLI MACHADO
06 de Junho de 2016 - 08:00 | Atualizado: 15 de Junho de 2016 - 16:17

Para quem está buscando ampliar os conhecimentos em determinada área, além dos consagrados cursos de MBAs, a Unisinos oferece também cursos de MBEs. Mas o que diferencia esses dois tipos de formação lato senso? 

Segundo o professor Daniel Lacerda, professor dos MBEs em Engenharia de Produção e Sistemas e Qualidade Seis Sigma, o que distingue o MBA e o MBE é a preocupação central com o projeto e a orientação para a solução de problemas. “Nesse sentido, mais importante que a gestão de um negócio, ou a descrição de melhores práticas, está a preocupação com a soluções dos problemas organizacionais”, destaca. 

[MBEs oferecem formação diferenciada na área

Para o professor, os MBEs vêm ao encontro da vocação da Engenharia como desenvolvedora de soluções. “A necessidade de um foco aplicado tem feito importantes instituições de ensino rever sua abordagem tradicional, saindo dos estudos de caso para o desenvolvimento de projetos, no que se chama de método de campo”, enfatiza.

Esse conceito, segundo Lacerda, coloca a Unisinos na vanguarda dos anseios organizacionais e educacionais. “Por se encontrar no domínio da Engenharia de Produção, a presente modalidade herda o rigor teórico-metodológico de seus docentes. A proposta procura cobrir uma lacuna para as Engenharias, em particular, e para o mercado, em geral” ressalta. 

Na perspectiva do professor, ainda que uma parte dos egressos dos cursos de Engenharia seja absorvida pelas ofertas de especialização e MBAs, há um nicho específico que busca uma formação mais familiar às Engenharias. É importante destacar que os MBEs não são exclusivos ou restritos à área de Engenharia. Profissionais do campo da Administração, Químicos e Tecnólogos, também têm buscado esse tipo de aperfeiçoamento.

Conheça todos os MBEs da Unisinos em: unisinos.br/mbe.