Como o EAD ajudou o Paulo a conciliar trabalho e estudo

IMPULSO

Realizar uma graduação quando já se está no mercado de trabalho é cada vez mais uma realidade para diversas pessoas. Seja para custear as mensalidades ou arcar com as despesas de casa, conciliar trabalho e estudo não é algo tão simples de se fazer.

Foi dentro desse contexto que o jovem Paulo Henrique Casanova, hoje QA Specialist na SAP, começou a pesquisar a melhor maneira para concluir a graduação em Sistemas de Informação, sem abrir mão de sua carreira na área de tecnologia.

Crédito: Especial

No início de sua trajetória acadêmica, Paulo Henrique trabalhava dentro do mesmo campus onde estudava. Isso facilitava bastante a sua rotina profissional e estudantil. Tanto é que no mesmo local, encontrou uma outra oportunidade de trabalho, e trocou de empresa.

Na nova companhia, Paulo pôde atuar por quase quatro anos. Porém, ele percebeu que sua jornada diária começaria a ficar mais complexa quando recebeu a notícia de que o novo trabalho mudaria de endereço. Mais que isso, sairia da cidade.

Com esse novo cenário previsto, seu dia a dia exigiria um maior descolamento de uma atividade para outra. Instigado a mudar, Paulo foi atrás de uma maneira para simplificar sua rotina. “Ser um estudante que trabalha é achar equilíbrio em conciliar o teu trabalho e estudos, e não negligenciar nenhum dos dois”, entende.

Foi então que ele começou a pensar na educação à distância, mas ainda havia certo receio sobre a relevância no mercado de um diploma do curso EAD em comparação com a graduação presencial. Por isso, ele decidiu ir ao RH da empresa e conversar com os profissionais da área sobre a sua dúvida.

O feedback foi muito positivo e todas as respostas convergiram na mesma ideia: O que realmente importa na graduação é o teu conhecimento, e não a modalidade na qual ele foi adquirido, seja presencial ou à distância. Portanto, ambos têm o mesmo reconhecimento.

Conhecendo as facilidades do EAD, como flexibilidade de horários e a possibilidade de estudar quando e onde quisesse, Paulo deixou seu antigo curso e resolveu apostar no ensino à distância. E dessa vez, a Unisinos foi a escolha que mais se adequava às suas necessidades.

“A graduação EAD da Unisinos oferece acesso à informação de ótima qualidade, os professores são muito bons, e o curso permite que eu defina o passo em que eu vou estudar. Eu consigo escolher qual é o melhor dia, qual é o melhor horário. Então, o EAD me proporciona escolher como melhor me organizar para conseguir adquirir o conhecimento e fazer a graduação”, explica.

Três anos depois de iniciar na Unisinos, o jovem conseguiu um emprego na SAP, dentro do campus da universidade, porém, mesmo com a proximidade das salas de aula, ele optou por seguir na modalidade à distância para ter mais autonomia na organização dos horários de estudo. Outro aspecto importante que fez o Paulo Henrique decidir pelo EAD foi o valor das mensalidades, que são mais acessíveis, o que permitiu que ele concluísse a graduação mais rápido.

Dentro da rotina de estudos, o QA Specialist lembra que a ambientação com a plataforma Canvas foi bem simples. “Ela é bem intuitiva e de boa qualidade, então pra mim foi bem simples me adaptar”, pontua o jovem.

Mesmo estudando a distância, ele afirma que o networking se fez presente na graduação da Unisinos. Ele ressalta que algumas cadeiras proporcionaram trabalhos em grupo, justamente, para estimular as interações e conexões entre os alunos.

O sonho de se mudar e trabalhar fora do país, foi o gatilho para Paulo investir numa graduação universitária. Segundo ele, “a formação universitária faz muita diferença quando o objetivo é migrar para outros países. Lá, eles buscam profissionais que estejam graduados, que tenham diploma, então ter o curso superior ajuda bastante”.

Agora, os planos estão se concretizando! Neste mês, o Paulo concluiu a graduação em Sistemas de Informação e já está organizando sua mudança para o Canadá, país que o espera com uma vaga de emprego na sua área de formação.

Para quem também quer alcançar seus objetivos através de um curso superior, mas está em dúvida se o EAD é a melhor opção, o Paulo manda o recado: “Para quem tá pensando em ingressar no EAD, a Unisinos dá o suporte necessário para a adaptação do aluno. As cadeiras têm horários definidos, onde vai ter gente disponível para auxiliar. Então é muito mais fácil se organizar para essa modalidade, sendo que o EAD ainda proporciona mais tempo para o estudante se dedicar tanto para o trabalho, quanto para o estudo”, finaliza Paulo.