Fique Sabendo

Selecione:
Curso
  • :: Da Escola
  • Biomedicina
  • Educação Física
  • Enfermagem
  • Farmácia
  • Fisioterapia
  • Nutrição
  • Nutrição e Alimentos
  • Psicologia
  • Saúde Coletiva
Nível
O desafio de defender metas

Em comemoração aos 30 anos da marca de materiais esportivos Poker, ocorreu, na segunda-feira (19), o 1º Workshop – A Melhor Defesa, no Teatro CIEE, em Porto Alegre. O evento foi promovido em parceria com a Academia de Goleiros Fechando o Gol, coordenada por Zetti, ex- goleiro do São Paulo e da Seleção Brasileira.

O workshop reuniu atletas iniciantes, ex-goleiros, preparadores, entre outros interessados na área. Na plateia, os goleiros Galatto e Muriel marcaram presença.

IMG_4856

Zetti agradece Valdir de Moraes pela contribuição histórica na preparação de goleiros no Brasil

No primeiro painel, Zetti chamou ao palco Valdir Joaquim de Moraes, ex-goleiro do Palmeiras e da seleção. Moraes, depois de aposentado, foi o 1º preparador de goleiro do país, campeão do mundo com Zetti no São Paulo. Das mãos do amigo, Moraes recebeu uma placa como reconhecimento pelo trabalho pioneiro na preparação de arqueiros.

Durante o workshop, foram sorteadas luvas da marca Poker, uma placa autografada pelo goleiro Rogério Ceni e os livros 1993: Somos Bicampeões do Mundo, de autoria de Zetti, e Qual é o seu desafio? da marca Poker.

A carreira de um ídolo

Em sua palestra, Zetti fez uma análise sobre a posição, e abordou as mudanças dos últimos anos.
O ex-jogador comentou sobre o preconceito atual com a estatura de um goleiro. “Jovens com estatura inferior a 1,88 metro não entram nem para a peneira”. Moraes ressaltou a desvalorização dos goleiros. “Quando cobram um pênalti e o goleiro defende, sempre destacam a atuação do atacante”, pontuou.

Zetti falou sobre a importância da segurança e o poder de decisão na posição. “O ideal é fazer uma defesa segura, sem muita plástica. Não adianta o goleiro fazer um grande movimento, dar rebote e depois sofrer o gol. Quanto mais gol o goleiro toma, melhor ele fica. Só não pode tomar o mesmo gol duas vezes”.

Um goleiro pode alcançar a posição com muito esforço e dedicação. “Fui lapidado para chegar ao profissional. Acredito que podemos formar goleiros, e com o tempo aperfeiçoar as características de cada um. Rogério Ceni chegou ao São Paulo sem saber chutar tiro de meta, por exemplo”, comentou.

O goleiro campeão do mundo pelo São Paulo terminou a palestra com uma crítica a falta de incentivo do sindicato. Segundo Zetti, em cada estado deveria ter uma sede com quadras e academias para goleiros em reabilitação e aposentados. Afinal, ninguém está preparado para parar.

A oportunidade de aprender com grandes nomes

Quem participou do workshop A Melhor Defesa voltou para casa com dicas importantes de quem trabalhou uma vida inteira defendendo metas, ou até preparando profissionais dessa posição. Do primeiro treino com um preparador de goleiros, muitas coisas mudaram. Materiais esportivos, CTs, treinos com auxílio de diferentes tecnologias eram ferramentas que não existiam.

Para quem sonha em ser goleiro hoje em dia, a possibilidade de crescimento tático e técnico é muito maior do que no passado. Isso significa que o trabalho também é mais intensificado. Por isso, grandes clubes investem em comissões técnicas.

Os treinadores de goleiros Daniel Pavan e Wagner Miranda, do Internacional e do Flamengo respectivamente, falaram sobre os desafios no trabalho como preparadores. Pavan comenta que os goleiros já são contra todos, por isso são unidos, diferente das outras posições que disputam a titularidade entre si. “Ficamos mais com nossos atletas do que com filhos e esposas e eles também têm esse mesmo convívio intenso com nós. Temos que nos dar bem, afinal, o ambiente positivo depende muito do nosso trabalho”, completa Miranda.

IMG_4907

Wagner Miranda e Daniel Pavan conversam sobre o trabalho de um preparador de goleiros

Werik da Silva, 15 anos, ganhou ingresso para participar do evento. O menino de Montenegro é goleiro e participa do projeto Atleta do Futuro, na sua cidade. Para ele, ver os goleiros que jogam os campeonatos que ele assiste é uma grande experiência.

O menino tem no sangue a paixão por guardar metas. Vindo de uma família de goleiros de peladas, Werik sonha em jogar no profissional. O menino ficou impressionado que tem uma história parecida com o goleiro Zetti, ambos começaram no vôlei. “ Tomara que um dia eu seja como ele”, finaliza.

O professor de Werik no projeto social, Helio Silva, fala que os alunos escolhidos para participarem do evento nunca sonhariam com isso. “Estão em êxtase aqui”, comenta. Atleta do Futuro é um dos muitos exemplos de programas que educam através do esporte, tirando as crianças da rua. “Nessas trocas sempre se aprende alguma coisa. Com a participação dos meninos no workshop o crescimento será positivo e coletivo”.

Bate-papo e troca de experiências

A parte final do evento trouxe ao palco do teatro goleiros patrocinados pela Poker. Bruno Grassi, Paulo Victor, Guto e Danilo Kruger falaram sobre suas trajetórias, dificuldades e experiências nos clubes em que passaram. O bate-papo foi mediado pela jornalista Eduarda Streb.

Com estilo irreverente, Danilo Kruger arrancou risos da plateia ao contar alguns episódios ocorridos em quadra. “Uma vez levei uma bolada tão forte que caíram alguns dentes. Mas não se preocupem, hoje eu tenho dentes de novo”, brincou.

O substituto de Marcelo Grohe na meta gremista, Grassi destacou as dificuldades enfrentadas antes de chegar ao profissional. “Hoje estou estabilizado, a família está feliz, mas o que minha mãe sofreu não está escrito”, relatou.

Paulo Victor, do Flamengo, brincou sobre a felicidade dos colorados presentes, depois da derrota para o Internacional, um dia antes do evento. “Mas está tudo certo, ganhamos no primeiro turno”.

Aos 39 anos, Guto, ex-goleiro do Brasiliense decidiu se aposentar. O atleta falou das dificuldades de jogar em campeonatos fora da elite do futubol brasileiro e da identificação com os clubes do interior.

Confira abaixo o vídeo com Muriel e Bruno Grassi falando sobre a posição de goleiro:

Confira o vídeo com trechos do painel com Zetti:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Deixe um comentário
O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *