Fique Sabendo

Selecione:
Curso
  • :: Da Escola
  • Comunicação
  • Comunicação Digital
  • Design
  • Design de Produto
  • Fotografia
  • Gastronomia
  • Jornalismo
  • Letras
  • Linguística Aplicada
  • Moda
  • Produção Fonográfica
  • Publicidade e Propaganda
  • Realização Audiovisual
  • Relações Públicas
Nível
Aluna da Unisinos é selecionada ao Prêmio Jovem Jornalista

Aluna do 7ª semestre de Jornalismo, a estudante Joyce Heurich foi selecionada para produzir um documentário de TV sobre o caso do extinto jornal Já, de Porto Alegre. Em 2001, a publicação sofreu um processo por danos morais, em razão de uma reportagem que indicava um suposto desvio de dinheiro de Lindomar Rigotto, falecido irmão do ex governador do Estado, Germano Rigotto.  A acusação partiu da mãe do político e fez com que a publicação parasse de circular e o proprietário, Elmar Bones, fosse condenado a pagar uma multa de 17 mil reais à família Rigotto.

Joyce teve a orientação da professora de Jornalismo Investigativo, Luciana Kraemer. Conhecida de Elmar Bones, Luciana percebeu a necessidade de abordar sobre o caso, que teve pouca repercussão na mídia. “Esse fato ganhou visibilidade para mim em 2010. Elmar é conhecido no meio jornalístico e é um profissional que admiro. Decidi que seria válido trazer a história dele, principalmente por ser um fato pouco repercutido e que tem necessidade de se fazer justiça”, relata a jornalista. Em 2012, Elmar Bones lançou um livro, intitulado O Caso do Jornal Já, onde o jornalista conta detalhes sobre a história da publicação, a reportagem sobre Lindomar e o processo judicial. “Exemplos de censura, principalmente envolvendo pequenas publicações, mostram que a liberdade de expressão ainda é um tema mal resolvido no país. Questões como essa devem ser constantemente discutidas”, salienta Luciana.

Segundo a estudante, a ideia de participar do projeto partiu da professora Luciana. “Além de ter sido minha professora, trabalhamos juntas na TV Unisinos e criamos um vínculo muito forte. Ela sabia do meu apreço pela área de Direitos Humanos e meu interesse pelo audiovisual”, conta. A estudante relata que o convite surgiu com a pauta previamente selecionada. “Quando a Luciana me chamou para participar, a pauta estava encaminhada. Aceitei a proposta e imediatamente comecei a trabalhar no planejamento do tema”, destaca.

A estudante diz estar feliz e realizada com o resultado da seleção. “Teremos muito trabalho pela frente, mas só de ter concluído esta etapa, que foi muito concorrida, foi um reconhecimento enorme”, orgulha-se.  Segundo ela, o projeto exige dedicação extra. “Além dos compromissos profissionais e universitários, tive que organizar meu tempo para conseguir participar desse prêmio. Mas sei o quanto essa iniciativa agrega ao meu currículo”, enfatiza.

O documentário foi selecionado pelo Prêmio Jovem Jornalista Fernando Pacheco Jordão, realizado pelo Instituto Vladimir Herzog, junto a outras duas propostas. Foram 91 projetos inscritos, cujo tema era Desafios da Liberdade de Expressão no Cenário dos Direitos Humanos: Retratos no Brasil de hoje.  A dupla estará representando a Unisinos na cerimônia de premiação em outubro. Joyce e Luciana terão até o dia 20 de setembro para finalizar o documentário, que contará com apoio financeiro e de um consultor indicado pela própria Instituição Vladimir Herzog. Os vencedores do prêmio ganharão uma viagem internacional, com país ainda a ser definido.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Deixe um comentário
O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *