Postado por admmkt sabril - 6 - 2013 0 Comentário

19º InPLA e 5º SIL

O Programa de Estudos Pós-graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, LAEL/PUC-SP, e o Programa de Pós-graduação em Linguística da Universidade Cruzeiro do Sul, PPGL/Cruzeiro do Sul-SP, realizarão em conjunto em 2013 os eventos acadêmicos: InPLA e SIL.

19º.  InPLA – Intercâmbio de Pesquisas em Linguística Aplicada – compartilhará o mesmo espaço geográfico e acadêmico do 5º SIL - Seminário Internacional de Linguística, no período compreendido entre  08 e 11 de outubro de 2013, no Campus Anália Franco, da Universidade Cruzeiro do Sul, Av. Regente Feijó, 1295, São Paulo, SP, Brasil.

O PPGLA da UNISINOS estará muito bem representado no evento, visto que as pesquisadoras Dras. Marlene Teixeira, Isa Mara Alves, Cátia Azevedo Fronza, Dorotea Frank Kersch e Ana Maria Guimarães coordenarão Simpósios no InPLA. A pesquisadora Dra. Ana  Maria Guimarães também participará da reunião do Grupo de Pesquisa ALTER - Análise de Linguagem, Trabalho Educacional e suas Relações, que ocorrerá durante o evento.

O prazo para envio de propostas para comunicação oral e pôster estará aberto  até 10 de junho. Recomendamos que mestrandos e doutorandos, bem como bolsistas de Iniciação Científica vinculados ao PPGLA participem, enviando suas propostas de trabalho.

O envio  de propostas deve ser realizado no website do evento: http://inplasil2013.com.br/.

Abaixo, a lista de Simpósios coordenados por pesquisadoras do PPGLA, com seus respectivos códigos para inscrição, títulos e coordenadores:

Cód. SIMP123004
O centenário de Saussure
Valdir Flores - UFRGS
Marlene Teixeira - UNISINOS

Cód. SIMP323022
A escrita na tela: aspectos semióticos, linguísticos e discursivos
Dinorá Moraes de Fraga – UFRGS
Isa Mara Alves – UNISINOS

Cód. SIMP567026
A linguagem na escola: contextos, desafios e perspectivas em linguística e educação 
Cátia Azevedo Fronza (UNISINOS)
Otilia Lizete de Oliveira (FURB)

Cód. SIMP266027
Ensino de Língua Portuguesa: os desafios da formação continuada 
Dorotea Frank Kersch (UNISINOS)
Delaine Cafiero Bicalho (UFMG)

Cód. SIMP060030
Pesquisas aplicadas sobre o trabalho de ensinar: dos dispositivos didáticos às medidas formativas 
Ana Maria Guimarães (UNISINOS)
Eliane Gouvêa (USP)

Postado por admmkt ssetembro - 18 - 2012 8 Comentários

O I Encontro Sul Letras reunirá pesquisadores, mestrandos e doutorandos de Programas de Pós-graduação da área de Letras do sul do país. O I Sul Letras ocorrerá entre os dias 19 e 21 de novembro de 2012, na UNISINOS (São Leopoldo/RS). Participarão todos os PPGs na área de Letras da região sul do país.

Maiores detalhes: https://eventos.asav.org.br/event/iencsulet/site/content/inicio.

Postado por admmkt sabril - 24 - 2012 0 Comentário


Aconteceu na manhã do dia 24 de abril, às 10 horas, sala 3A 317, a visita do Prof. Dermeval da Hora, representante de da área de Letras e Linguística da CAPES.
O professor dialogou com o corpo docente e discente do PPGLA Unisinos sobre o processo da pós-graduação no Brasil, além de informações diversas sobre publicações, avaliações, participação de eventos e periódicos na área de Linguística.

Postado por admmkt smarço - 11 - 2012 0 Comentário

Desenvolvimento do NÚCLEO DE ESTUDOS AVANÇADOS EM LINGUAGEM, INTERAÇÃO E TECNOLOGIAS (NEALIT) como propulsor de formação de recursos humanos junto ao Programa de Pós Graduação em Linguística Aplicada da Unisinos.

O Núcleo de Estudos Avançados em Linguagem, Interação e Tecnologias (NEALIT) tem um caráter inovador. Baseia-se em um entendimento da Linguística Aplicada como um lócus de estudos de natureza transdisciplinar, voltado para os usos situados da linguagem e cobrindo, portanto, vastos campos de interesse, como questões de ensino-aprendizagem de línguas, formação e atualização de professores; identidade e subjetividade; culturas, educação e linguagem; linguagens e representações; linguagem e trabalho; enfoques textuais e discursivos; letramentos; práticas sociais da linguagem mediadas por computador; tecnologias de informação e comunicação; estudos e gestão das linguagens de especialidade (termos técnico-científicos), entre outros.

Conheça os objetivos específicos dos Laboratórios que o compõem:

LABORATÓRIO DE LINGUAGENS E TECNOLOGIAS DIGITAIS PARA ENSINO E APRENDIZAGEM DE LÍNGUAS (LLITEC-EAL)Linha de Pesquisa Linguagem e Práticas Escolares

  • Desenvolver objetos de aprendizagem em contextos digitais para o ensino de línguas;
  • Favorecer o intercâmbio entre profissionais de profissionais de universidades nacionais e estrangeiras que desenvolvam práticas de ensino virtual;
  • Desenvolver cursos de formação continuada para professores de línguas de escolas públicas e privadas e outros profissionais da linguagem;
  • Propor soluções para demandas de universidades e empresas voltadas para a Educação a Distância;

LABORATÓRIO DE ANÁLISE DE LINGUAGEM EM CONTEXTOS INSTITUCIONAIS E NÃO-INSTITUCIONAIS (LACONTEX) - Linha de Pesquisa Interação e Práticas Discursivas

  • Desenvolver projetos de linguagem e interação centrados em contextos múltiplos, envolvendo organizações, escolas e famílias, para examinar o comportamento humano expresso pela linguagem, envolvendo outras áreas como Psicologia, Sociologia, Antropologia, Educação;
  • Desenvolver uma estrutura para auxílio a pesquisas de diferentes áreas que necessitem transcrição de dados.
  • Propiciar oportunidades de treinamento para pesquisadores externos envolvidos em análises de práticas interacionais em diferentes contextos;
  • Formar jovens investigadores interessados em projetos de linguagem e interação em contextos diversos.

LABORATÓRIO DE TECNOLOGIAS LINGUÍSTICAS (LATEL) - Linha de Pesquisa Texto, Léxico e Tecnologia

  • Pesquisar e desenvolver recursos semântico-lexicais que podem ser usados em diversas aplicações computacionais que envolvam o Português Brasileiro, tais como: léxicos, glossários, ontologias, taxonomias, vocabulários controlados e tesauros;
  • Organizar e divulgar uma base de dados sobre termos técnico-científicos utilizados nas mais diversas áreas da ciência e das tecnologias.
  • Pesquisar e desenvolver recursos para a formação de profissionais capazes de produzir textos funcionais de gêneros discursivos multimodais em diferentes contextos situacionais de produção;
  • Propor soluções para demandas de empresas com problemas na produção de textos funcionais multimodais em ambiente digital ou impresso.
  • Auxiliar na formação de jovens investigadores, considerando sua atuação em projetos voltados à Tecnologia de Informação.