• disciplinas-ingles

    Have you had the chance to take one of the undergraduate courses in English offered by Unisinos ?

    Unisinos is offering courses in English to undergraduate students. In 2015/1 join the discussion on important current issues and also enjoy the opportunity to brush up your English. See the 13 options below: For more information visit Disciplinas em Inglês   A high intermediate level of English is mandatory to register in any of the above mentioned courses. To enroll in these Academic Courses you ...

  • vestibular destaque

    Vestibular de Verão Unisinos

    Nesta quinta-feira, 16 de outubro, iniciam as inscrições para o Vestibular de Verão da Unisinos. A universidade oferece mais de 70 cursos de graduação divididos em dois campi, um em Porto Alegre e outro em São Leopoldo, além dos polos EAD. As inscrições para o vestibular vão até 17/11, e as provas acontecem dia 22/11. Para se candidatar, acesse unisinos.br/vestibular. No site, é ...

  • Unisinos é a melhor instituição particular do país, nos cursos de Engenharia Ambiental e matemática

    Neste ano a Unisinos ficou na 14ª colocação geral das instituições, mas ficou em primeiro lugar na relação de universidades privadas, destacando-se nos cursos de Engenharia Ambiental e Matemática. O RUF (Ranking Universitário Folha) é uma avaliação anual do ensino superior do Brasil realizada pela Folha de São Paulo desde o ano de 2012. Na edição de 2014 há dois produtos ...

  • Have you had the chance to take one of the undergraduate courses in English offered by Unisinos ?

    Unisinos is offering courses in English to undergraduate students. In 2014/1 join the discussion on important current issues and also enjoy the opportunity to brush up your English. See the 13 options below: For more information visit unisinos.br/ementas – Disciplinas em Inglês A high intermediate level of English is mandatory to register in any of the above mentioned courses. To enroll in these ...

Postado por jsilvasilveira em 19 - dezembro - 2014 0 Comentário

onibus-da-china

Se a função de um trem é transportar passageiros, um trem que nunca para seria o trem perfeito, caso existisse uma forma para o embarque e desembarque, correto? Pois é, e se depender da China, isso pode acontecer.

O trem, que por enquanto só existe como conceito, foi criado por engenherios chineses e funciona da seguinte maneira: em um determinado momento os passageiros irão entrar em um vagão parado na plataforma. Quando o trem está vindo, o vagão parado automaticamente se conecta ao trem e o outro vagão vai parando e é liberado na estação.

 

Fonte: Administradores.com

Postado por ezanotti em 15 - dezembro - 2014 0 Comentário

-instrumentos-projeto-chuvaPara conseguir prever com precisão os eventos extremos, como tempestades, ou simular cenários de impacto das mudanças climáticas, é preciso avançar nos conhecimentos dos processos físicos que ocorrem no interior das nuvens e descobrir a variação de tamanhos, como os das gotas de chuva, proporção das camadas de água e de gelo e o funcionamento das descargas elétricas.

Este é um dos objetivos de uma equipe de pesquisadores de varias universidades brasileiras e estrangeiras reunidos no “Projeto Chuva”, que realizaram uma série de campanhas para a coleta de dados em seis cidades brasileiras: Alcântara (MA), Fortaleza (CE), Belém (PA), São José dos Campos (SP), Santa Maria (RS) e Manaus (AM). Estas regiões escolhidas para a pesquisa de campo representam os diferentes regimes de precipitação existentes no Brasil.

Para que as medições pudessem ser comparadas e usadas como parâmetro nos modelos computacionais, foi utilizado um conjunto comum de instrumentos, incluindo radares de nuvem de dupla polarização. O radar de dupla polarização, em conjunto com outros instrumentos, envia ondas horizontais e verticais que, por reflexão, indicam o formato dos cristais de gelo e das gotas de chuva, ajudando a elucidar a composição das nuvens e os mecanismos de formação e intensificação das descargas elétricas durante as tempestades. Também foram coletados dados como temperatura, umidade e composição de aerossóis.

Fonte: www.inovacaotecnologica.com.br

Postado por ezanotti em 15 - dezembro - 2014 0 Comentário

010125141124-bateria-litio-pneus-usados (1)Pneus reciclados poderão ganhar vida nova, como os eletrodos das baterias de íons de Lítio que alimentam os veículos elétricos e armazenam a energia, por exemplo.

Modificando as características micro estruturais do negro de fumo, uma substância recuperada a partir de pneus descartados, uma equipe chefiada por Parans Paranthaman e Amit Naskar, do laboratório Nacional Oak Ridge, nos Estados Unidos, está desenvolvendo o que garantem ser o melhor anodo para as baterias de íons de Lítio.

A técnica usa um pré-tratamento para recuperar o negro de fumo pirolítico, que é semelhante ao grafite, porém sintético. Quando usado nos anodos das baterias de Lítio, a bateria ganha uma capacidade de recarregamento, que é maior do que é possível com a utilização do grafite natural.

Depois de 100 ciclos, o protótipo de bateria fabricado com o novo material apresenta 390 miliamperes/hora por grama de anodo de carbono derivado dos pneus, o que excede as melhores propriedades do grafite comercial. Paranthaman e Naskar atribuem isso à microestrutura única do carbono derivado dos pneus reciclados.

Fonte: www.inivacaotenologica.com.br

Postado por ezanotti em 15 - dezembro - 2014 0 Comentário

010160141111-fabricacao-nanodiamantesO que começou como uma pesquisa para desenvolver um método para fazer metais mais resistentes acabou com a descoberta de uma nova técnica para transformar grafite em diamante, em condições ambientais normais. A nova técnica usa um laser pulsado a temperatura ambiente para criar filmes de nano diamantes, com aplicações potenciais de biossensores a chip de computadores futurísticos.

A técnica começa com uma película formada por uma camada de grafite, recoberta por uma folha de vidro. Quando essa película é exposta aos pulsos ultrarrápidos de um laser, o grafite é convertido instantaneamente em um plasma ionizado. Assim que o pulso de laser é finalizado, o plasma do grafite se resfria e se solidifica rapidamente em forma de diamante. A folha de vidros confina o plasma, impedindo que escape, o que permite criar filmes contínuos de nano diamantes com grande precisão e confiabilidade.

Fonte: www.inovacaotecnologica.com.br

Postado por ezanotti em 15 - dezembro - 2014 0 Comentário

1 (1)Pesquisadores da USP desenvolveram um processo que recupera e recicla terras raras a partir de lâmpadas fluorescentes descartadas. Estas terras raras formam um grupo de 17 elementos químicos essenciais para a produção de diversos itens de alta tecnologia, como por exemplo, LEDs, telas de televisores, tables, Smartphones e entre outros.

Este novo processo apresenta uma forma mais segura, menos poluente e mais eficiente de reciclar as terras raras contidas nas lâmpadas. De acordo com o professor Osvaldo Antônio Serra, responsável pelo laboratório que realiza os estudos, entre os tipos de resíduos reciclados, as lâmpadas fluorescentes ganham destaque por conter ate 25% em massa de elementos terras raras na constituição do pó fosfórico, dependendo do tipo da lâmpada.

A reciclagem começa a partir do pó fosfórico, já livre do mercúrio, submetido a processos físicos e químicos, utilizando resinas de trocas iônicas, produtos sintéticos que colocados na água liberam íons de sódio ou hidrogênio ou hidroxila e captar desta mesma água cátions e ânions.

Fonte: www.inovacaotecnologica.com.br